Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Promotoria denuncia 5 no outro homicídio com decapitação

A 6ª Promotoria de Justiça de Paranaguá apresentou denúncia criminal contra cinco pessoas envolvidas no homicídio de homem encontrado decapitado e sem coração, no final de outubro.

O Ministério Público requer a condenação dos denunciados pelos crimes de homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e meio cruel), corrupção de menores, ocultação de cadáver e associação criminosa (quadrilha ou bando).

O crime causou grande comoção na cidade. Segundo descrito na denúncia, por suspeitarem que o homem teria abusado sexualmente de uma sobrinha adolescente, os denunciados, integrantes de uma facção criminosa, em companhia de dois adolescentes, após julgarem e sentenciarem a vítima à morte, levaram-na até um rio, onde foi enforcada com um fio e teve seu cadáver vilipendiado. O corpo foi encontrado decapitado, com vários furos e com o coração arrancado, dois dias depois da morte. A ação foi filmada por um dos denunciados, e o vídeo foi encontrado no aparelho celular de um dos adolescentes que participaram do crime.

A 6ª Promotoria de Justiça de Paranaguá já havia oferecido denúncia contra dez pessoas, sendo quatro os mesmos denunciados agora, por crime semelhante, também com decapitação da vítima, no mês de novembro. Alguns dos denunciados são suspeitos de outros dois homicídios similares praticados em Paranaguá no início do ano.

Leia também
Receba nossa notícias em seu e-mail.
Inscreva-se para receber as últimas novidades e atualizações diretamente no seu e-mail.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento
Comentários
Carregando...