Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Prefeitura de Guaratuba distribui lonas e telhas

A Prefeitura de Guaratuba entregou 730 m² de lonas já nas primeiras horas para cobrir casas e o prefeito Roberto Justus reivindica recursos do Estado para auxiliar quem perdeu embarcações que afundaram durante no vendaval de quarta-feira (16).

Na quinta-feira, o prefeito e o secretário Municipal da Segurança Pública e Coordenador Municipal da Defesa Civil, Jacson Braga, se reuniram com membros do governo estadula para tratar das medidas e do atendimento às pessoas atingidas. A reunião teve a participação do secretário do Estado da Segurança Pública, general Luis Carbonell, do comandante do Corpo de Bombeiros do Litoral, major Gerson Gross, do comandante do 9ºBPM, coronel Rui Noé Barroso Torres, do deputado estadual Nelson Justus, do delegado da Polícia Civil Jorge Azor Pinto e do comandante do Corpo de Bombeiros em Guaratuba, capitão Eziquel Roberto Siqueira.

Na reunião foi definido que recursos serão liberados para compra e entrega de telhas para as famílias que tiveram suas casas atingidas pela tempestade.

Receberão as telhas as famílias carentes que efetuarem registro na Defesa Civil Municipal, os boletins podem ser feitos pelo 193 ou 3472-8655 (em horário comercial) e serão encaminhados posteriormente ao Cras (Centro de Referência de Assistência Social) na av. 29 de Abril, 802, Centro, para avaliação.

De acordo com o governo, Em Guaratuba, o Corpo de Bombeiros registrou destelhamentos de 19 casas, quatro escolas (duas municipais e duas estaduais), além do prédio da Companhia de Polícia Militar e em dois órgãos públicos. Por causa dos fortes ventos, cerca de dez embarcações também foram danificadas. O temporal também derrubou árvores e deixou 30 mil residências sem energia elétrica no município. A situação foi normalizada pelo Copel logo em seguida.

Para o prefeito, o Governo do Paraná foi rápido no atendimento. “Toda a equipe foi parceira e esteve de prontidão para auxiliar à população. Foi graças a esse trabalho em conjunto que conseguimos evitar situações piores”, afirmou Justus.

Em Matinhos, o Corpo de Bombeiros registrou 21 destelhamentos e 15 quedas de árvores. Em Pontal do Paraná foram cinco destelhamentos e sete árvores arrancadas e, em Paranaguá, houve duas quedas de árvores e registro de destelhamento em uma residência. Conforme relatório da Defesa Civil, além do Litoral, também Curitiba e Maringá foram atingidos por temporal. No total foram 653 pessoas afetadas e 156 casas danificadas.

Fontes: Prefeitura de Guartuba e ANPr – Foto: José Fernando Ogura/ANPr

Leia também
Receba nossa notícias em seu e-mail.
Inscreva-se para receber as últimas novidades e atualizações diretamente no seu e-mail.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento
Comentários
Carregando...