UFPR Litoral tem palestra sobre dependência da Internet

    Se você não consegue largar o celular ou deixar de espiar a rede social mesmo na hora e local impróprios, você pode estar com dependência virtual.

    Se vê notícias o dia todo, mas não tem tempo para digeri-las, entendê-las realmente, também pode estar com um mal curável.

    No dia 27 de abril, uma quinta-feira, a partir das 19h30, a UFPR Litoral vai apresentar uma palestra sobre estes assuntos.

    A psicóloga Gicelda Soares da Rosa abordará as consequências da Dependência Virtual, o Desenvolvimento da Síndrome do Pensamento Acelerado (SPA) e o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH).

    Gicelda é formada pela Universidade Tuiuti do Paraná, atua como psicóloga clínica, estudiosa do comportamento humano, realiza estudos sobre a dependência virtual, a síndrome do pensamento acelerado e o transtorno de déficit de atenção e hiperatividade, tendo como referência o professor dr. Augusto Cury e suas obras.

    A organização da palestra é da Seção de Políticas Afirmativas, Assuntos Estudantis e Comunitários do Setor Litoral da UFPR (Sepol) e da Casa Litoral.

    A palestra é grátis, mas os organizadores pedem que as pessoas doem em quilo de alimento não perecível.

    Para participar é preciso preencher um formulário que pode ser acessado no site da universidade:
    http://www.litoral.ufpr.br/portal/blog/noticia/palestra-abordara-dependencia-virtual/

    Comente esta notícia

    comentários