Projeto incentiva jovens na política, não só na rede social

    Palestra pela manhã no no Colégio Estadual Gabriel de Lara – foto: MP / Divulgação

    O Ministério Público do Paraná quer incentivar os jovens a participarem da política, não só nas redes sociais mas também na vida real.

    O Movimento Paraná Sem Corrupção está promovendo palestras nas escolas do Litoral para mobilizar a comunidade local, em especial os jovens, para a defesa de seus direitos, “de forma a impulsionar o protagonismo político e o exercício ativo da cidadania”.

    Na região da 59ª Seção Judiciária – com sede em Guaratuba e com abrangência de Matinhos e Pontal do Paraná –, a missão está a cargo da promotora substituta Cibele Dioni Teixeira.

    Na semana passada, a promotora realizou três eventos com alunos do ensino médio em Matinhos, no Colégio Estadual Gabriel de Lara (dia 1º, pela manhã e à noite) e Colégio Estadual Tereza da Silva Ramos (dia 2, no período noturno).

    Durante as palestras, foram expostos temas como Democracia, Organização do Estado, Três Poderes, Política, Eleições, Voto, Cidadania, bem como se explicou o conceito, as funções e as formas de atuação do Ministério Público.

    As exposições foram realizadas em formato de conversas, proporcionando a participação dos estudantes, provocando-os com perguntas simples e despertando questionamentos como, por exemplo, “de como eles têm agido para fazerem valerem seus direitos, ou de que forma têm exercido suas cidadanias?”, conforme explica Cibele Teixeira.

    “Além disso, propôs-se uma reflexão sobre como os jovens têm feito o uso das redes sociais, se para se mobilizarem, por exemplo, para a cobrança de particulares e dos poderes públicos de seus direitos individuais e comuns, ou se apenas para divertirem-se e postarem/comentarem fotos”, comenta.

    Em relação à atuação “presencial”, na vida real, a promotora sugeriu que eles participassem das reuniões dos diversos conselhos municipais existentes, em observatórios sociais, em audiências públicas, bem como por meio do acesso contínuo ao portal da transparência municipal, para o acompanhamento e fiscalização dos gastos públicos.

    Comente esta notícia

    comentários