Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Polícia Militar registra menos ocorrências no início da temporada

Início da Operação Verão Maior, no dia 21 de dezembro – foto: AEN

O balanço da Polícia Militar sobre os primeiros dias da Operação Verão, de 21 a 25 de dezembro, mostra redução nos índices de furto, roubo e perturbação de sossego.

Foram 120 ocorrências policiais gerais a menos do que no mesmo período de 2018, com uma queda de 16%. No ano passado foram registradas 748 ocorrências no geral e no mesmo período deste ano foram 628.

O crime de roubo foi a modalidade que registrou maior queda percentual durante o período analisado pela PM (64%): foram cinco ocorrências do crime, contra 14 no mesmo período de 2018.

Com relação ao furto, a queda foi de 13% (foram 62 registros de 20/12 a 25/12 de 2018, contra 54 durante os mesmos dias deste ano). Já as ocorrências de perturbação de sossego apontaram uma queda de 15% no período (110 nos cinco dias de 2018 e 93 neste ano).

Atuação – A Polícia Militar abordou mais de 3 mil pessoas e 1,5 mil veículos nos primeiros cinco dias esta temporada. Ao todo, foram apreendidos mais de 10 quilos de drogas, duas armas de fogo e 18 munições. Foram registrados 75 termos circunstanciados. Além disso, 134 pessoas foram presas, 18 adolescentes apreendidos e um veículo recuperado.

Mais de quatro mil orientações foram feitas aos veranistas, e entregues aproximadamente 3,3 mil pulseiras de identificação às crianças.

Preparativos – O planejamento da Operação Verão Maior começou já na metade do ano. De acordo com o subcomandante do 9º Batalhão, major Luciano Romão, o governo deu todo o aporte para que a PM do Litoral pudesse planejar e conduzir os preparativos para a temporada

“Estamos trabalhando há meses e pensamos muito em cada atividade que está sendo desempenhada aqui. Esse resultado inicial foi alcançado porque atuamos de forma integrada e, principalmente, porque nos planejamos antecipadamente”, disse o major. “Notamos que o planejamento de atuar nas entradas das cidades e principais vias de acesso aos balneários e diferentes locais dos municípios vem surtindo efeito”, completou.

Leia também
Comentários
Carregando...