Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Guaratuba inaugura Memorial para as vítimas da covid

Um monumento com pintura em azulejo erguido na Praça da Paz é o Memorial às Vítimas Covid-19 de Guaratuba, inaugurado nesta terça-feira, 2 de novembro, Dia de Finados. A cidade teve 185 pessoas mortas pela doença, a última nesta segunda-feira (1º), um morador do bairro Vila Esperança 39 anos, conforme o boletim da Secretaria da Saúde. Na região litorânea, foram 1.182 mortos em decorrência do novo coronavírus.

O monumento foi uma criação da artista plástica Birgitte Tummler, conhecida por seus desenhos coloridos da fauna local com caneta esferográfica.

De acordo com a apresentação, “o vão aberto entre as mãos traduz o afastamento ao qual nos obrigamos no momento de pandemia. As mãos surgem da restinga, vegetação típica do litoral e de extrema importância para a manutenção da orla e da fauna. A posição das mãos simboliza a entrega, a devoção, a conexão terra – céu, e o contato doce, e de pele, que a tantos faltou na hora da partida de seu ente querido. As mãos entregam aos céus as almas dos guaratubanos. E, por estar mais próximo dos céus, as aves. Guaratuba é simbolizada pelo Guará, e este, representará aqueles que partiram de Guaratuba, de forma intensa, mas cuja alma encontra sua redenção nos céus.”

Birgitte Tummler

A faixa que cobria o memorial foi descerrada pelo prefeito Roberto Justus e pelo deputado estadual Nelson Justus. A placa oficial do monumento pelo prefeito, pelo vice-prefeito Edison Camargo e pelos vereadores Professora Cátia do Doro (presidente da Câmara), Maria do Neno, Fabiano da Caieiras e Itamar Junior.

“Em homenagem a todos aqueles a quem Deus levou para junto de si, nós estivemos na praça da Paz hoje, não somente nos lembrando de todas as vítimas de nossa cidade, de nosso país e do mundo, mas estabelecendo um espaço de respeito à memória das pessoas que nos deixaram”, disse Cátia do Doro. “Elas não podem ser esquecidas. Jamais.” 

Roberto Justus disse que o memorial vai além de homenagear, pois é uma oportunidade de fazer uma despedida que não foi possível. “Também um monumento de esperança, de paz e de dias melhores. Um lugar de encontro, de lembranças boas”.

O secretário da Saúde, Gabriel Modesto, falou sobre o trabalho das equipes da saúde durante a pandemia e que nos piores momentos o sentimento de impotência não foi maior por conta do trabalho dos profissionais da saúde, que foram verdadeiros guerreiros.

Além do monumento, vítimas da covid-19 em Guaratuba são lembrados em um outro memorial, criado no site da Prefeitura com os nomes das pessoas que faleceram em decorrência de complicações da covid e cujos familiares autorizaram a divulgação. Ele pode ser acessado por um QR Code colocado na placa do Memorial ou através de um link no site da Prefeitura: http://portal.guaratuba.pr.gov.br/memorialcovid/

Redação do Correio, com fotos e informações da Prefeitura de Guaratuba

Leia também
Comentários
Carregando...