Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Secretário de Esporte de Guaratuba confirma boicote da secretaria estadual

Secretaria de Estado do Esporte e Turismo (Seet) admite que não atendeu pedidos de Guaratuba, mas nega boicote completo aos Jogos da Melhor Idade. Secretário municipal de Esporte e Lazer, Pastor Gabriel Gonçalves, rebate afirmações da Seet.

Em ofício ao CorreiodoLitoral.com, a Assessoria de Comunicação da Seet ameaça o jornal com pedido de “direito de resposta” e ainda de responsabilização “civil e criminal”. Ofício com o mesmo teor endereçado ao Jornal de Guaratuba, teve cópia enviada para o Jornal da Hora, veículo ligado ao PPS, partido do secretário estadual, Douglas Fabrício, que a reproduziu na edição desta sexta-feira (26). O Jornal da Hora considerou todas as alegações da Seet como fatos. A direção do Jornal de Guaratuba afirma que sequer recebeu o documento.

Segundo fonte, os termos do ofício causaram constrangimento na própria secretaria estadual.

Foram distribuídas 700 medalhas e 100 troféus–- Foto: Rubens Schane
Foram distribuídas 700 medalhas e 100 troféus–- Foto: Rubens Schane

Seet admite negativas

O ofício confirma que a secretaria estadual negou o fornecimento de material esportivo e apoio para arbitragem, solicitados pela Secretaria Municipal de Esporte e Lazer. A Seet afirma que os pedidos foram no dia 30 de março e “que a dotação orçamentária da Secretaria não se executaria em tempo hábil para aquisição de materiais esportivos requisitados, razão pela qual foi indeferido o pedido”. A Seet afirma também que “o subsídio para arbitragem encontrava óbice legal para o seu atendimento”. Sobre o pedido de “material para premiação”, diz que “a SEET possui em estoque, razão pela qual foi deferido”.

Um ano de antecedência – O secretário municipal pastor Gabriel reafirma que as tratativas com a Seet para pedir apoio aconteceram em meados de 2014, logo após a 10º edição dos jogos, e que os últimos ofícios foram enviados mais de dois meses antes da realização dos jogos, que aconteceram entre 9 e 13 de junho.

Sobre as “300 medalhas” que a Seet mostrou numa foto produzida e enviada ao Jornal da Hora, pastor Gabriel nega que a secretaria estadual as tenha disponibilizado. “Conseguimos troféus e medalhas com a empresa ‘Nosso Time’ e fomos buscar em Curitiba com um carro que aluguei do meu bolso. Se houvessem as medalhas disponibilizadas na secretaria iríamos buscar”, disse Gabriel, que considerou um absurdo a produção de uma foto com “300 medalhas” que foi enviada ao Jornal da Hora. No final dos jogos, foram distribuídas cerca de 700 medalhas e troféus.

Mentira – O secretário municipal também contesta taxativamente que a secretaria estadual marcou duas audiências para recebê-lo, uma delas com a prefeita Evani Justus, conforme afirma o ofício. “Houve apenas uma data marcada que se tornou inviável e pedimos para remarcar. Estou esperando até hoje. Nunca houve agenda marcada para a prefeita. É uma mentira”.

Mudança de data – A Seet também diz que os rumores de que o secretário Douglas Fabrício teria sido convencido a mudar a data dos tradicionais Jogos da Integração da Melhor Idade não procedem. O caso foi amplamente veiculado na imprensa local, comentada por Pastor Gabriel na rádio Litorânea e ainda repercutiu na Câmara Municipal.

De acordo com pastor Gabriel, a movimentação para mudar a data realmente aconteceu. A intenção seria transferir os jogos para o final do ano, mais próximo da temporada de verão. Gonçalves argumentou que a data tradicional, final de outono, já é consagrada nos grupos da terceira idade do Paraná e coincide com um período de movimento de baixa no turismo de Guaratuba.

Jogos repercutiram em todo o Paraná

A 11ª edição dos Jogos de Integração da Melhor Idade reuniu 10 municípios (Araucária, Clevelândia, Cornélio Procópio, Cruz Machado, Goioerê, Palmas, Rancho Alegre, São José dos Pinhais e União da Vitória – além de Guaratuba com duas equipes, Cohapar e Coroados) e cerca de 800 pessoas. Foi um sucesso comemorado em cada município, tendo repercutido na imprensa de todas as cidades participantes. Alguns municípios fizeram cobertura de todos os dias, outros fizeram reportagens na saída e chegada das delegações às suas cidades. Os recursos para a realização foram assumidos integralmente pela Prefeitura de Guaratuba com algum apoio de empresas nas medalhas e troféus.

A reclamação de Guaratuba de falta de apoio de Douglas Fabrício chegou aos ouvidos do ministro do Turismo, Henrique Alves, na abertura do Festival Internacional de Turismo das Cataratas.

Confusão – O ofício da Seet foi enviado ao CorreiodoLitoral alegando que o jornal supostamente repercutiu matéria do Jornal de Guaratuba (JG). Na verdade, o Correio tratou do assunto no dia 17 de junho, com base em declarações feitas por pastor Gabriel na solenidade de encerramentos dos jogos, no dia 13, e repercutiu apenas uma declaração feita ao JG que iria circular dois dias depois, dia 19.

 

 

Leia a íntegra do ofício com as alegações e ameaças da Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado do Esporte e Turismo:

 

 

Leia também
Comentários
Carregando...