Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Elefante marinho é encontrado por pescadores na ilha do Corisco

Nesta quarta-feira (11), pescadores encontraram um animal marinho de grande porte deitado na areia de uma praia da Ilha do Corisco, na Baía de Antonina. Eles consideraram que o animal estava encalhado e que iria morrer, e ficaram orgulhosos de tê-lo forçado, com o barulho, a voltar para o mar. 

Num vídeo que divulgaram, afirmam que procuraram Ibama, IAT e Corpo de Bombeiros “e ninguém veio buscar”. Depois que o animal foi para a água comemoraram: “vai pra vida”, “se não é nóis…”, disseram. 

Após comunicação com a equipe do Laboratório de Ecologia e Conservação da Universidade Federal do Paraná (LEC/UFPR), que realiz Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) no Paraná,  o animal foi identificado como um elefante marinho (Mirounga leonina).

Segundo a bióloga da UFPR Camila Domit, o animal não está necessariamente encalhado quando em terra, pois utiliza a praia para descanso, conforme o comportamento natural da espécie. 

Molestar este animal é proibido por lei e é muito importante que todos ajudem a garantir que o animal possa descansar e logo seguir sua viagem de voltar para o sul. Ainda, considerando a espécie a equipe do laboratório recomenda que as pessoas mantenham distância do animal e tomem cuidado, pois o elefante marinho é um animal selvagem que pode se assustar com a aproximação de pessoas e barcos e ficar agressivo para se defender. 

O elefante marinho é uma espécie migratória que vem da região sul da Argentina e região subantártica e que aparece no Paraná nos meses de outono-inverno. 

Comentários
Carregando...