Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Polícia Ambiental faz prevenção contra queimadas em Guaratuba

A Polícia Ambiental – Força Verde iniciou em Guaratuba uma ação para prevenir queimadas neste período de pouca umidade.

Na sexta-feira (20), os policiais ambientais realizaram patrulhamento nos bairros Carvoeiro, Cohapar e Piçarras. 

“Não foi constatado nenhum foco de incêndio em vegetação, porém realizamos orientações à população em alguns pontos específicos, pois constatamos pequenas fogueiras defronte às ruas, que, após orientações, foram apagadas”, informou o comandante do Pelotão de Guaratuba, subtenente Rodrigo Cainelli. 

“A fiscalização continua”, informa.

Carvão vegetal tem de ter documentação adequada à origem

Na quinta-feira (19), equipe do Batalhão de Polícia Ambiental em patrulhamento na região de Guaratuba fiscalizou um caminhão carregado de carvão vegetal.  

O produto estava em conformidade com a respectiva legislação que regulamenta esse tipo de carga: estava acondicionada em embalagens que continham informações sobre a essência florestal com número do registro do Serflor e cadastro do Ibama. 

O produto é dispensado de DOF (Documento de Origem Florestal) por se tratar de subproduto florestal de origem exótica conforme Nota Fiscal apresentada da carga e constatada na embalagem.  O responsável pela carga apenas foi orientado quanto aos procedimentos de fiscalização e elucidando dúvidas caso venha transportar carvão de outra origem e que venha a ser necessário expedição de DOF.   

Desmate no Morro de Caieiras

Também nesta quinta, os policiais ambientais foram abordados por um transeunte, que informou que estava ocorrendo um desmate no Morro de Caieiras. 

No local, a equipe constatou que se tratava de um corte de vegetação rasteira, a qual estava localizada em uma encosta com com declividade acima de 45º, assim sendo, em área considerada de preservação permanente. 

A proprietária informou que já havia sido autuada anteriormente. A equipe então lavrou notificação ambiental para a proprietária apresentar documentos referentes a referida autuação e caso tenha ocorrido reincidência serão tomadas as medidas cabíveis.

Com informações e fotos da Polícia Ambiental / BPAmb FV – 1ª Cia – 2° Pel.

Comentários
Carregando...