Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Amlipa participa de projeto para melhorar educação básica na região

Secretários e técnicos envolvidos na implantação do ADE Paraná – Foto: divulgação/Instituto Positivo

A Associação dos Municípios do Litoral do Paraná (Amlipa) foi a escolhida para receber apoio na implantação do primeiro Arranjo de Desenvolvimento da Educação (ADE) do estado, o ADE Litoral Paranaense. 

A implantação do projeto será feita em parceria do Instituto Positivo com os representantes da educação dos municípios: Antonina, Guaraqueçaba, Guaratuba, Matinhos, Morretes, Paranaguá e Pontal do Paraná.

O ADE prevê a colaboração entre municípios de um território com um mesmo objetivo: criar estratégias que ajudem a melhorar os indicadores da educação básica da região, com foco no trabalho cooperativo, na troca de experiências, no empoderamento dos secretários municipais de educação e em promover visibilidade aos projetos educacionais. 

De acordo com a coordenadora de Implantação de Projetos Sociais do Instituto Positivo, Cristiane da Fonseca, o principal objetivo do movimento é contribuir com a educação pública do Paraná. “Queremos colaborar com um território que apresente, acima de tudo, disposição em atuar em cooperação e contribuir com o desenvolvimento educacional por meio de diferentes projetos voltados aos principais temas de interesse comum dentro do universo da educação”, destaca.

O processo de seleção da região de implantação teve início em 2021 e levou quase um ano. “A escolha da região foi totalmente baseada em critérios técnicos, com utilização de dados e indicadores públicos analisados por profissionais das áreas de estatística, sociologia e Educação, garantindo assim total imparcialidade, ausência de conflito de interesses, bem como transparência e ética durante o processo de seleção, o qual será totalmente documentado”, ressalta Fonseca. 

O ingresso dos municípios é voluntário e a autonomia completamente garantida e registrada em um termo de parceria. As temáticas trabalhadas serão eleitas pelos dirigentes municipais de educação e suas equipes.

O Instituto Positivo contou com apoio da Associação dos Municípios do Litoral do Paraná (Amlipa), Associação dos Municípios do Paraná (AMP) e do Consórcio Intermunicipal de Educação e Ensino do Paraná (Ciedepar), para apresentar a proposta de implantação aos Dirigentes Municipais de Educação (DME).

Da Central Press

Comentários
Carregando...