Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Feirão de Empregos em Foz do Iguaçu oferece capacitação e 240 vagas em hotéis, bares e restaurantes

SindHotéis tem cursos de qualificação para trabalhadores sem experiência interessados nas vagas oferecidas pelas empresas do setor

Fotos: Divulgação

O Feirão de Empregos, do SindHotéis e da Agência do Trabalhador, nesta sexta-feira (19) no salão paroquial da Igreja Matriz vai oferecer 240 novas vagas para hotéis, bares e restaurantes e terá novidades. Caso o trabalhador não tenha qualificação ou experiência, o sindicato vai oferecer um curso de capacitação para preencher a vaga selecionada. “Temos 240 vagas para contratação imediata em 21 empresas. Buscamos essa parceria com a Agência do Trabalhador e a Secretaria Estadual de Justiça, Família e Trabalho para facilitar o preenchimento das vagas com a devida qualificação profissional”, disse Marcelo Martini, presidente do SindHotéis.

“Temos 13 vagas para recepcionista,30 vagas para camareira, 29 vagas para garçom e garçonete. Essas vagas de garçom e garçonete ssão para hotéis e restaurantes. Temos ainda, 22 vagas de atendente de bares e restaurantes. Também para hotéis e bares e restaurantes”, completou.

Martini afirmou que em caso do trabalhador não ter especialização ou experiência na vaga pretendida poderá se matricular em curso no próprio feirão de empregos. “O SindHotéis estará oferecendo cursos gratuitos e a matrícula pode ser feito no própria feirão”.

Cursos

O sindicato abriu 20 vagas para os cursos de recepcionista, camareira e auxiliar de cozinha. Os cursos começam em 12 e 19 de setembro e já fazem parte do convênio assinado com o Senac e a Secretaria Estadual de Justiça, Família e Trabalho. “Todos os cursos serão realizados nas dependências do SindHotéis no Instituto de Hotelaria, Gastronomia e Turismo”, disse Martini.

O piso dos trabalhadores de hotéis, bares e restaurantes está em R$ 1.720,00 e segundo Martini, o salário é um dos melhores do Paraná e pactuados com o sindicato da categoria do setor. “Esse é um salário base para auxiliar de serviços gerais e, é claro, conforme a função, o salário e as vantagens aumentam”.

O presidente do SindHotéis afirma que as contratações são reflexo do aumento do movimento nos bares e restaurantes e da ocupação na rede hoteleira. “As empresas estavam cautelosas em aumentar o seu número fixo de colaboradores em função do primeiro semestre ser um pouco sazonal mesmo ccom os feriados prolongados “.

Movimento

Neste segundo semestre, a projeção de hotelatria é de ocupação acima da média com os eventos programadas, a comçear pelo Rally dos Sertões no final deste mês. “Os hotéis elevaram as ocupações e nos meses de setembro, outubro e novembro já têm eventos programados que vão gerar um bom movimento”.

A maioria dos turistas que visitam Foz utilizam as rodovias até a BR-277. “Posso citar o Sudoeste do Paraná, o Oeste de Santa Catarina, Balneário Camboriú, Florianópolis, Curitiba, Norte do Paraná e Oeste de São Paulo. Os visitantes, na sua maioria, têm vindo pelo turismo rodoviário”, disse Martini.

“Até reorganizar a malha aérea, o turismo rodoviário continuará muito forte. Mas esperamos para breve, um acordo do Governo do Estado e as companhias aéreas para ampliar o número de voos. Temos que ter uma tarifação atraente para que o turista venha pelo transporte aéreo”, completa.

Leia também
Comentários
Carregando...