Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Por que o teste de nivelamento é essencial ao aprendizado de inglês?

A prova ajuda a identificar o grau de conhecimento no idioma, otimizando o tempo de aprendizagem, já que direciona o aluno para o nível mais adequado ao seu perfil.

Foto: atlascompany/Freepik

Fazer o teste de nivelamento em uma escola de inglês é considerada a forma ideal de identificar o grau de conhecimento de um aluno no idioma, a fim de otimizar seu tempo de aprendizagem. O instrumento o estudante para o nível mais adequado ao seu perfil. Trata-se, portanto, de um assunto importante, pois o teste funciona como uma porta de entrada para quem deseja iniciar ou continuar os estudos na língua.

Com a globalização e o estreitamento das fronteiras simbólicas, o mercado de trabalho demanda mais conhecimento e qualificação para as vagas de emprego, por exemplo. Nesse sentido, saber outro idioma, principalmente o inglês, pode aumentar as chances de um currículo ser escolhido. Para determinadas oportunidades, a língua inglesa não é apenas um diferencial, mas sim um requisito indispensável. 

De acordo com levantamento salarial feito pela Catho, em 2021, profissionais que  falavam inglês ganhavam até 70% mais do que aqueles que não dominavam o idioma. A pesquisa mostra que a fluência na língua garante salários mais altos, além de abrir portas no mercado de trabalho. 

Para alcançar a fluência, é preciso começar por algum ponto. É essencial, portanto, que o teste de nivelamento seja aplicado desde o momento em que o estudante entra para a escola ou curso de inglês. Ele classifica o aluno ou a aluna para que o idioma seja aprendido da melhor maneira. 

Por meio de um teste, mesmo quem nunca estudou inglês consegue verificar qual é o nível de familiaridade e habilidade em que se encontra. A partir daí, é possível identificar as habilidades que o aluno já possui em relação à língua, assim como suas necessidades e dificuldades de aprendizagem.

Como funcionam os testes de nivelamento?

O teste de nível em inglês avalia o grau de proficiência do estudante no idioma, verificando qual domínio ele possui em relação às habilidades linguísticas, como leitura, escuta, fala e escrita. 

Essa prova costuma ser aplicada a partir de uma série de perguntas orais ou escritas. O estilo de prova e os níveis de parâmetro podem variar conforme cada instituição. Isso acontece porque cada escola ou curso, especializados na língua inglesa ou não, podem desenvolver uma escala própria. 

Há, ainda, instituições que seguem padrões internacionais, como o caso do Quadro Comum Europeu de Referência para Línguas (CEFR). 

De maneira geral, o teste classifica o aluno de acordo com três grandes grupos, que incluem os níveis básico, intermediário e avançado. Dentro destas categorias pode haver subdivisões. 

Para além do teste de nivelamento, as escolas podem adotar maneiras personalizadas para complementar a avaliação. É importante, por exemplo, considerar os diferentes métodos de ensino e saber como utilizá-los para garantir o aprendizado de cada pessoa. 

Oportunidade de estudos 

Testes de inglês são apontados como portas de entrada para quem pretende começar os estudos no idioma. As avaliações otimizam a formação, já que o candidato é encaminhado para a turma com nível adequado ao seu perfil. 

Essa organização é fundamental, pois caso o estudante fique em uma turma que esteja em um nível abaixo do seu, o sentimento de desmotivação pode ser aflorado. O contrário também é visto como prejudicial. Ou seja, estudar numa turma mais avançada pode trazer frustração.

Leia também
Comentários
Carregando...