Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Consórcio Paranaense pode ficar com obra da Ponte de Guaratuba

Os lances do leilão eletrônico no portal Licitações-e

Um consórcio de duas empresas do Paraná pode ficar com a obra da Ponte de Guaratuba. A Arteleste Construções Ltda, de São José dos Pinhais, e a Companhia Paranaense de Construção S.A, que tem a matriz em São Paulo e faz parte do grupo JMalucelli, podem ser as vencedoras.

Juntas, no denominado “Consórcio Paranaense”, elas fizeram uma proposta R$ 4.552,89 mais alta em um projeto de mais de R$ 386 milhões e ficou em segundo lugar, poderá ser a vencedora da licitação.

A Construtora A. Gaspar S/A, do Rio Grande do Norte, que ofereceu o melhor preço e foi considerada vencedora, acabou sendo inabilitada pela comissão de julgamento do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR). O motivo informado foi que a empresa não atendeu a todos os critérios de capacidade operacional e de capacidade profissional.

A Gaspar encabeçava o Consórcio Guaratuba, formado ainda pelas empresas Itauba Incorporações e Construções Ltda, de Curitiba, e a Geométrica Engenharia de Projetos Ltda, de São Paulo, para realizar o empreendimento.

Agora o Consórcio Paranaense foi convocado para apresentar a planilha de preços atualizada e os documentos de habilitação, que serão analisados pela comissão. Se for aprovada, o resultado será publicado no site de compras do governo e correrão os prazos para recurso. 

O Correio entrou em contato com o DER, que explicou a inabilitação; Leia a nota:

O DER/PR informa que a primeira empresa classificada na licitação da implantação da Ponte de Guaratuba e seus acessos foi considerada inabilitada pela comissão de julgamento do DER/PR, por não atender todos os critérios de capacidade operacional e de capacidade profissional.

A segunda empresa classificada, Arteleste Construções Ltda., foi convocada e apresentou a planilha de preço e documentos de habilitação, em consórcio com a empresa Companhia Paranaense de Construção S.A., sob a designação Consórcio Paranaense.

A planilha e documentos agora estão sendo analisados pela comissão de julgamento do DER/PR, com o resultado sendo publicado no portal Compras Paraná e Licitações-e assim que estiver pronto.

Leia também
Comentários
Carregando...