Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Filme Peixe Morto mostra porque devemos proteger tubarões

Um trabalho de conclusão de curso na UFPR Litoral ensina porque devemos proteger os tubarões.

Junior Albini, ao se formar em Gestão Ambiental, produziu um filme de 35 minutos com cenas de filmes, imagens de pesca e entrevistas de estudiosos e pescadores.

O documentário Peixe Morto foi produzido em parceria com o Programa LabMóvel. “A ideia do filme é demostrar que no litoral do Paraná tem tubarão sim e sempre teve e que nem por isso vai ter ataque, demonstrar a situação da pesca de tubarões passando pela pesca industrial e pesca artesanal ,e por fim mostrar a importância desses animais no ecossistema marinho”, explicou Albini ao Correio do Litoral.

O autor explicou que o filme demorou 2 anos para ser feito. “O objetivo do documentário é conscientização da população, mostrando que os tubarões não são esses vilões como mostra os filmes hollywoodiano e que na verdade os tubarões estão sendo dizimado pela indústria pesqueira”, explica. “Por causa do finning (comércio de barbatanas para o mercado asiático) onde arrancam somente a barbatana do tubarão e jogam o resto fora. Essas barbatanas são usadas tanto para produtos cosméticos quando para uma sopa, onde o prato pode valer mais de 70 dólares”.

“Em virtude desses fatores a população de tubarões no mundo inteiro está decaindo muito, o tubarão-martelo está criticamente ameaçado de extinção. O tubarão por ser um animal com a imagem destruída por causas desses filmes, as pessoas não ligam muito, pois não é uma espécie fofa como golfinhos ou panda”.

Leia também
Receba nossa notícias em seu e-mail.
Inscreva-se para receber as últimas novidades e atualizações diretamente no seu e-mail.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento
Comentários
Carregando...