Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná
Matinhos abril 24 Curtiu a Diferença 1170 250 busao

Estudantes de Guaratuba seguem na luta com os professores

Na tarde em que professores ocuparam Assembleia Legislativa e obrigaram o governador Beto Richa a retirar o chamado pacotaço de cortes que afetam o funcionalismo, em Guaratuba, a categoria recebeu apoio dos estudantes.

Com os termômetros marcando mais de 36ºC (36,4ºC às 13h, segundo o Simepar), alunos dos colégios estaduais em greve desde segunda-feira (9) atenderam a convocação feita no Facebook por um deles (Pierry Alan França Neves, do Colégio Joaquim Mafra). Das 13h30 até o final da tarde, eles permaneceram ao lado dos professores no calçadão da Igreja Matriz e ao lado da agência do Banco do Brasil.

Os estudantes também se dispuseram a continuar apoiando as manifestações que os professores programaram para os próximos dias, inclusive durante o Carnaval. Entre outras atividades, sábado e domingo, serão distribuídos panfletos aos turistas e moradores na orla marítima. Nesta sexta-feira (13), eles voltam ao calçadão da igreja.

Além de forçar a não aprovação do “pacote de maldades” os professores reivindicam pagamento de atrasados como promoções, o terço de férias e as verbas do Fundo rotativo das escolas que não são pagas desde outubro. Também cobram a contratação de professores aprovados em concurso público, a retomada de programas e projetos como as salas de apoio (reforço) de matemática e português, por exemplo.

Nesta quinta-feira (12) pela manhã, professores dos cursos de Linguagem e Comunicação, Ciências, Artes e Educação Física da UFPR Litoral divulgaram um manifesto de apoio aos professores do Estado.

As manifestações dos professores estaduais de Guaratuba nos próximos dias

estudantes-professores-guaratuba12fev2015b

Leia também