Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Folia Caiçara movimenta Morretes com animado carnaval cultural

Maracatu Baque Mulher Matinhos | foto|: Divulgação

Morretes, que não costuma promover Carnaval, vai receber a Folia Caiçara, festival gratuito que ocorre de 10 a 13 de fevereiro na Praça do Porto de Cima (a Praça Comendador José Ribeiro de Macedo).

Pontal 40 milhões

A programação diversificada do evento inclui espetáculos musicais, apresentações de escolas de samba, performances, exposições, gastronomia e feira de artistas locais, tudo para valorizar a cultura caiçara em meio à maior festa popular do Brasil.

O Folia Caiçara inclui espetáculos como o Bailé com Kré, do Grupo Baquetá, Boi de Mamão, Fandango Mandicuera, Coral Nhe’ē Porã, além de apresentações das escolas de samba Unidos do Portinho e da Vila dos Ferroviários.

O público terá ainda a oportunidade de participar de performances memoráveis com a Roda das Manas e o grupo Fuá da Serra, bem como desfrutar da singularidade da artista Patrícia Mar e da banda Fonte de Luz, já consagrada no território morretense por trazer diversos elementos da paisagem e cultura do município em suas canções.

A percussão vibrante do Maracatu Baque Mulher Matinhos também faz parte da celebração. Para promover o aprendizado e a participação ativa da comunidade, serão realizadas oficinas de alegoria, fandango, e percussão.

O projeto também homenageia Mestre Martinho, figura essencial na preservação das tradições do fandango. Uma exposição de fotos e uma demonstração de sua forma única de tocar serão realizados como parte da homenagem.

Bailé com Kré | foto: Divulgação

Além disso, haverá uma exposição de artistas locais, como Carol Sobrera, Ricardo Zen e Emer Ramos. E a gastronomia é uma boa pedida: haverá uma barraca de alimentação da Cozinha Comunitária do Candonga, com alimentos típicos da região, como o barreado.

Júlia Moretti, idealizadora e diretora de produção do festival, afirma que o Folia Caiçara incentiva tanto a revalorização dos artistas e da cultura locais quanto as novas maneiras de produção artístico-culturais. “É uma concretização de todo o subsídio teórico da minha dissertação em desenvolvimento territorial sustentável”, diz Júlia. “A presença de cultura caiçara no festival desempenha um papel crucial na preservação e valorização desse patrimônio territorial. O festival oferece uma plataforma para que as tradições ancestrais, como o fandango, uma dança tradicional caiçara, sejam compartilhadas e mantidas vivas”, explica Valdemir Krause, outro dos idealizadores do Folia Caiçara.

Toda a programação está alinhada com os objetivos do projeto de promover o fortalecimento da cultura local, valorizar a identidade morretense, impulsionar o desenvolvimento territorial sustentável e proporcionar um Carnaval enriquecedor e inclusivo para todos. “É uma oportunidade única de celebrar a diversidade cultural e criar memórias duradouras em Morretes”, completa Krause.

Mandicuera | foto: Daniel Castellano

Tradição e representatividade

A presença do fandango, expressão cultural caiçara, marca não só a manutenção desta tradição, mas uma forma de preservação e de popularização, já que o festival acontece durante o carnaval. A inclusão do Coral Indígena Nhe’ē Porã, da etnia Mbyá Guarani, é outro destaque, visto que os povos indígenas frequentemente enfrentam sub-representação em festivais culturais. Essa inclusão na programação do festival proporciona visibilidade a essa comunidade e suas tradições, contribuindo para um maior reconhecimento e respeito pelos povos indígenas.

Programação Folia Caiçara
10/2 – 10h – Abertura
10/2 – 10h15 – Oficina: Alegoria
10/2 – 12h – Apresentação: Escola de Samba Unidos do Portinho
10/2 – 13h30 – Apresentação: Grupo Baquetá – Bailé com Kré
10/2 – 15h – Fuá da Serra
11/02 – 10h – Oficina – Oficina de Fandango com Leo Cardoso
11/02 – 11h30 – Homenagem ao Mestre Martinho
11/02 – 14h – Apresentação: Boi de Mamão (Grupo Mandicuera)
11/02 – 15h30 – Apresentação: Fandango Mandicuera
12/02 – 10h – Oficina – Mana na Roda
12/02 – 12h – Apresentação: Beli Bertalha
12/02 – 13h30 – Apresentação Roda das Manas
12/02 – 15h30 – Apresentação: Baque Mulher Matinhos
13/02 – 10h – Apresentação: Patrícia Mar
13/02 – 11h30 – Apresentação: Bloco da Vila Ferroviária
13/02 – 12h30 – Apresentação: Fonte de Luz
13/02 – 14h30 – Apresentação: Capoeira de Angola de Morretes
13/02 – 16h – Apresentação: Coral Indígena Nhe’e Porã
13/02 – 17h – Encerramento

Folia Caiçara
De 10 a 13 de fevereiro
Praça do Porto de Cima (Praça Comendador José Ribeiro de Macedo) – Morretes
Gratuito

O Folia Caiçara é parte integrante do Risoflora – Festival de Carnaval, que acontece entre os dias 9 e 14 de fevereiro em Porto de Cima. Um evento pago que traz uma programação variada e multicultural (que inclui Letrux e BNegão)

Leia também

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More