Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Grupo de Trabalho Saúde Litoral prepara Operação Verão

Durante a temporada, haverá mais três ambulâncias do Samu que vão ficar baseadas em Guaratuba, Matinhos e Pontal do Paraná, com equipe médica, de enfermagem e motoristas.

Pacientes críticos com demanda de transferência hospitalar para serviços assistenciais e aqueles em estado de emergência que necessitam de resgate também poderão contar com o transporte aeromédico.

Estas ações foram definidas pelo Grupo de Trabalho Saúde Litoral que reuniu, nesta segunda-feira (13), profissionais dos sete municípios do Litoral para tratar da Operação Verão 2017/2018.

Serão feitas inspeções em serviços de alimentação, como supermercados, mercearias, açougues, peixarias, lanchonetes, restaurantes, quiosques e serviços afins, além de fiscalização da venda de produtos em beira de estradas, fiscalização da Lei Anti Fumo, orientações a comerciantes e consumidores, entre outras.

Serão instaladas três tendas para testes rápidos de HIV/AIDS, Hepatites e Sífilis, aferição de pressão, testes de glicemia e orientações à população. As barracas estarão nos municípios de Matinhos, Guaratuba e Pontal do Paraná.

A Operação Verão contará também com ações de prevenção e combate ao mosquito Aedes aegypti e contra acidentes ocasionados pelo contato com águas-vivas e demais animais peçonhentos.

“Fazemos um monitoramento constante das águas-vivas para informar à população do Litoral sobre sua ocorrência nas praias. O contato com esses animais pode gerar ardência muito forte, similar a uma queimadura. Quem tiver algum acidente com águas-vivas deve pedir socorro ao guarda-vidas mais próximo que realizará o primeiro atendimento e poderá encaminhá-lo a uma unidade de saúde”, ressaltou o biólogo da Vigilância de Zoonoses e Intoxicações, Emanuel Marques da Silva.

Impacto – Durante os meses de dezembro a fevereiro, a população do litoral paranaense quadruplica. Este aumento do número de pessoas demanda maior estrutura dos municípios, que encontram na Operação Verão uma forma de minimizar os gastos e conseguir oferecer os serviços às pessoas.

Para cobrir este aumento de demanda, o governo estadual repassou de R$ 4 milhões para que as prefeituras apliquem na ampliação dos plantões médicos e de enfermagem neste período.

Leia também
Receba nossa notícias em seu e-mail.
Inscreva-se para receber as últimas novidades e atualizações diretamente no seu e-mail.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento
Comentários
Carregando...