Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

UFPR Litoral destaca jovem de 17 anos aprovada em 1º lugar

Filha de um casal de ex-alunos da UFPR Litoral – o pai também é servidor da Universidade – uma estudante da rede pública de 17 anos foi aprovada em primeiro lugar no vestibular para o curso de Administração Pública. Ela foi tema de reportagem publicada no site do Setor Litoral. Leia.

Micaely é a primeira colocada em administração pública

Com 17 anos, aposta na política como carreira

Micaely com os pais e o irmão mais novo

Micaely Conforto da Costa, 17 anos, nasceu em Paranaguá e passou a infância e a adolescência entre Matinhos e Morretes, cidade natal de seu pai o técnico-administrativo em educação, Luís Fernando da Costa Júnior, que trabalha na UFPR Litoral há nove anos.

No ano passado completou o ensino médio no Colégio Estadual Gabriel de Lara, em Matinhos, decidida a seguir a carreira que o pai escolheu. “Eu espero crescer em várias áreas da minha vida, acadêmica e pessoal, e explorar os conhecimentos da melhor forma possível, extraindo o máximo possível”, contou Micaely.

A estudante afirma que escolheu o curso porque gosta de estudar sobre política. “Eu gosto muito e acho necessário o seu estudo. Para me preparar para o vestibular eu li bastante, li vários livros e foi isso que me ajudou na interpretação das questões na 1ª fase e na produção de texto na 2ª fase”, declarou a caloura.

Os pais de Micaely, Luis Fernando e Mariane Conforto da Costa, também fizeram suas graduações em Gestão Pública e Gestão Ambiental, respectivamente, na UFPR Litoral. Mariane está orgulhosa da filha, “espero que ela aproveite todas as oportunidades que a universidade oferecer e que ela seja uma ponte para sonhos maiores”. Luis Fernando fez ainda mestrado em Desenvolvimento Territorial Sustentável, também na UFPR Litoral, e foi secretário de educação do município de Morretes em 2017.

Como surgiu seu interesse pelo campo de gestão pública e pela política? Minha mãe sempre me mostrou, com suas atitudes, a importância da cultura da paz pelo diálogo, desde a escola eu já participava da representação estudantil, direta ou indiretamente. A relação interpessoal era função principal nas empresas e instituições que trabalhei, acho que isso colaborou para a vida pública, sempre gostei de trabalhar com pessoas, mediar conflitos, propor e agir para o bem comum.

Leia na íntegra: http://www.litoral.ufpr.br/portal/blog/noticia/micaely-e-a-primeira-colocada-em-administracao-publica/

Leia também
Receba nossa notícias em seu e-mail.
Inscreva-se para receber as últimas novidades e atualizações diretamente no seu e-mail.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento
Comentários
Carregando...