Garuva e Guaratuba vão se queixar ao governador de Santa Catarina

    Uma comitiva de vereadores de Garuva e de Guaratuba vão a Florianópolis, nesta quinta-feira (16), tentar conversar com o governador Raimundo Colombo sobre os perigos da rotatória do Contorno de Garuva na SC-417.

    Na segunda-feira (13), um morador da área rural de Guaratuba e um caminhão carregado com contêiner colidiram no local. Foi o segundo acidente no ponto que foi aberto o tráfego há menos de 15 dias.

    O presidente da Câmara de Garuva, Oziel Fernandes Mattos, deve liderar a comitiva, que poderá contar ainda com vereadores de Itapoá.

    Oziel também protocolou um pedido no Ministério Público um pedido ao promotor de Justiça de Garuva, Joel Zanelato, relatando os problemas no local “e, se necessário, a tomada das providências cabíveis”.

    No documento, Oziel relata que os vereadores já haviam alertado para os riscos de acidente na sessão dia 7 de novembro. O presidente conta que “de acordo com o fiscal de obra do Deinfra, o contorno está preparado para receber até cinco mil veículos por dia, leves e pesados”.

    “No trecho de intersecção das duas rodovias não há sinalização que mostre ao condutor se está em via preferencial ou se deve dar passagem para outros motoristas, o que ocasiona muitas dúvidas nos motoristas que ali transitam. Durante o período noturno, devido ao trecho não ter nenhuma iluminação, a situação fica ainda mais complexa.”, afirma.

    Oziel também conta que foi ao local nesta segunda-feira (13) e pode constatar, em 48 minutos, “28 possíveis acidentes, que foram evitados pelos motoristas”. Vídeo destas cenas foi encaminhado ao promotor.

    Na sexta-feira (17), o presidente da Câmara e o prefeito Rodrigo David conversam com o promotor Joel Zanelato sobre as providências que podem ser tomadas.

    Assista aqui.

    A íntegra do ofício de Oziel Fernandes Mattos ao Ministério Público

    Senhor Promotor,

    Ao cumprimentá-lo cordialmente, comunico a Vossa Excelência que, em Sessão Ordinária realizada nesta Casa no dia 7 de novembro de 2017, diversos Vereadores manifestaram preocupação com a interseção da nova rodovia denominada “Contorno de Garuva” com a Rodovia SC 417 situada no bairro Palmital, neste município.

    O trecho em comento é visivelmente propenso a causar graves acidentes, colocando em risco a vida e a integridade física dos condutores que transitam pelo local. De acordo com o fiscal de obra do Deinfra, engenheiro Rodney Heyse em entrevista ao jornal A Notícia, o contorno está preparado para receber até cinco mil veículos por dia, leves e pesados.

    No dia de hoje, ocorreu gravíssimo acidente no local, quando uma um automóvel e um caminhão carregado de contêineres colidiram, no qual também enviamos fotos em anexo. Em acompanhamento no local nesta data, em 48 minutos pudemos constatar 28 possíveis acidentes, que foram evitados pelos motoristas, como mostra o vídeo em anexo.

    Os Vereadores e a população têm se questionado se o trecho foi mal projetado, ou se a execução da obra se deu em desacordo com o projeto.

    A pista “Contorno de Garuva” foi liberada para tráfego de veículos leves e pesados sem haver devida sinalização horizontal e vertical e sem nenhuma iluminação. No trecho de intersecção das duas rodovias não há sinalização que mostre ao condutor se está em via preferencial ou se deve dar passagem para outros motoristas, o que ocasiona muitas dúvidas nos motoristas que ali transitam. Durante o período noturno, devido ao trecho não ter nenhuma iluminação, a situação fica ainda mais complexa.

    Sendo o que tinha para informar, solicito a análise de Vossa Excelência e, se necessário, a tomada das providências cabíveis.

    Comente esta notícia

    comentários