Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Homem assassinado em março ainda não foi sepultado

Foto divulgada nas redes sociais

Um homem assassinado há quase 4 meses, em Matinhos, ainda não pode ser enterrado. Seu corpo está retido no Instituto Médico Legal, em Paranaguá, a espera de decisão sobre sua verdadeira identidade.

Segundo informa a página do Facebook Comunica Matinhos, o nome verdadeiro é Sérgio Teodoro Costa e era natural de São Paulo.

Conhecido como Tio Bê, morava da rua Moema, no bairro Tabuleiro, onde, no dia 24 de março, “foi surpreendido por um atirador e alvejado com três tiros de arma de fogo que acertaram sua face, barriga e costas”, conta a página. Foi socorrido ainda com vida pelo Samu e Siate, mas morreu na UPA da Praia Grande, para onde foi levado.

Segundo o site G1, a delegada Sâmia Cristina Coser, Tio Bê foi morto a tiros na frente de casa. Segundo ela, não fazia muito tempo que ele tinha se mudado para Matinhos. “Teria alguma coisa a ver com o fato de que, no passado, ele tinha envolvimento com tráfico de drogas. E aí, possivelmente, eles estavam com medo que ele voltasse a traficar na região”, explicou a delegada sobre o que, possivelmente, teria motivado o crime. Os dois suspeitos de cometer o crime estão presos, segundo ela.

Depois da morte, na sua casa foram encontrados as duas carteiras de identidade. Uma do Paraná, com o nome de Nelson de Jesus, nascido em 1965, que era como se apresentava em Matinhos, e uma de São Paulo, de Sérgio Teodoro, com data de nascimento em 1963. Com os dois nomes tinha condenações por ilícitos. Com o nome paulista, era considerado foragido.

A Secretaria de Segurança Pública do Paraná (Sesp) aguarda uma decisão da Justiça sobre a identidade do morto para liberar o corpo aos familiares.

De acordo com o Comunica, a família que reside em São Paulo, humilde e honesta, reconhece que a vida de Sérgio não foi um exemplo a ser seguido, tampouco a apoiava em seus erros, mas o que mais quer nesse momento é apenas o direito de sepultar o corpo do ente falecido.

Foto divulgada nas redes sociais
Leia também
Comentários
Carregando...