Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Vídeo de alunas de Oceanografia é finalista em prêmio da ONU

Um vídeo sobre mudanças climáticas produzido pelas alunas de Oceanografia Ana de Martini e Beatriz Neves e pela oceanógrafa Brenda Mendonça é o único finalista brasileiro na categoria “Oceanos e Mudanças Climáticas” da competição  Global Youth Competition 2017 – Oceans  & Climate Change promovida pela Organização das Nações Unidas (ONU).

A Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima, também conhecida como UNFCCC (do original em inglês United Nations Framework Convention on Climate Change), em parceria com a UNDP-GEF Small Grants Programme está em busca de ações para combater as mudanças climáticas de maneira inspiradora e engajadora.  A competição quer escolher os melhores projetos nas categorias “Clima amigável e cidades resilientes” e “Oceanos e Mudanças Climáticas”.

Das mais de 240 inscrições na categoria – originárias de quase 100 países -, foram selecionados 20 vídeos para concorrer a uma viagem à cidade de Bonn, na Alemanha, e participar como jovem repórter na COP23, que acontecerá em novembro, auxiliando a equipe da UNFCCC Newsroom com a cobertura do evento. O critério para decretar os vídeos vencedores é o número de visualizações.

Arraiá Caiçara 250 x 300 mob

Outro projeto brasileiro também é finalista, porém na modalidade “Clima amigável e cidades resilientes”.

Descontrartigo

As autoras do vídeo têm um canal no YouTube intitulado “Descontrartigo”, cujo objetivo é apresentar mais informações sobre o mundo da Oceanografia de maneira rápida e interessante.  Toda semana a meninas publicam vídeos descontraídos sobre artigos relevantes relacionados às áreas que compõem a Oceanografia.

Estudantes do Centro de Estudos do Mar da UFPR, em Pontal do Paraná, Beatriz e Ana estão na reta final do curso. Brenda já é formada pela Universidade Federal do Paraná e se dedica integralmente ao canal no YouTube .

Além dos vídeos, as meninas também mantêm uma página no Facebook na qual publicam diversas curiosidades e informações acerca do tema.

Para ajudar essas garotas promissoras que estão representando a UFPR e o Brasil, basta acessar o link, assistir ao vídeo quantas vezes quiser e divulgar.

Fonte: UFPR / Jéssica Tokarski

 

Leia também