Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Com chuvas surge um novo ponto impróprio ao banho

O boletim de balneabilidade divulgado nesta sexta-feira (18) pelo IAP indica que um ponto da Praia Brava, na altura da Rua Alvorada, em Caiobá, está impróprio para banho. A alteração deve ter ocorrido em função das chuvas dos últimos dias.

Agora são 12 locais não indicados aos banhistas. Destes, dez são desembocaduras de rios, canais e galerias permanentemente impróprios para banho, independentemente da época do ano. No boletim eles estão destacados em letras maiúsculas. Além disso, a Ponta da Pita, em Antonina, vem apresentando concentração de esgoto clandestino desde o in´cio da temporada de verão.

Segundo a diretora de Monitoramento Ambiental e Controle da Poluição do IAP, Ivonete Coelho da Silva Chaves, as chuvas que ocorreram nos últimos dias podem ser o motivo do ponto na Praia Brava, em Caiobá, estar impróprio. “As fossas sépticas podem transbordar com o volume de chuva e irem para as galerias de águas pluviais”, explica a diretora. “O solo fica muito encharcado e não absorve a água direito”, continua.

Sinalização – O veranista pode se orientar de acordo com as bandeiras na orla das praias, nos rios e nos reservatórios, que indicam se os locais estão próprios ou impróprios para banho. As bandeiras são alteradas pelos bombeiros toda sexta-feira, no período da manhã, se for necessário.

A sinalização aponta a condição da água a 100 metros à direita e à esquerda de cada bandeira. A cor vermelha indica que a água não é recomendada e a azul que a região está própria para banho.

Leia também
Receba nossa notícias em seu e-mail.
Inscreva-se para receber as últimas novidades e atualizações diretamente no seu e-mail.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento
Comentários
Carregando...