Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

PM realiza “saturação” e aumenta segurança na noite de Guaratuba

A 3ª Companhia da Polícia Militar iniciou na noite desta sexta-feira (5), mais uma estratégia denominada saturação, quando grande número de policiais agem simultaneamente em pontos sensíveis da cidade, fazendo abordagens e buscas.

Um homem armado foi preso e sua arma de fogo aprendida. Também foram feitas abordagens em bares e proximidades e flagrados vândalos na Praça Central.

No circuito dos bares e da vida noturna entre avenida Atlântica, Praia Central e avenida 29 de Abril, acontecem as denominadas Operação Maresia e Policiamento Presença. O foco é coibir o consumo de entorpecentes, brigas e desordens geradas pelo consumo de bebidas alcoólicas. Na noite fria, o movimento foi fraco.

Nos acessos da cidade, a PM realizou a Operação Barreira, com objetivo de “evitar a entrada de marginais, ampliar a ação ostensiva e prevenir crimes de trânsito relacionados a direção perigosa e imprudente de condutores irresponsáveis”.

Operação Barreira – foto: 3ª Cia da PM

Por volta das 5h desta madrugada de sábado, A PM prenderam Rodrigo Cláudio dos Santos, na rua Joinville, no bairro Canela. A prisão ocorreu depois de policiais receberem a informação de que em um bar em frente ao bailão da Marga havia uma pessoa armada. No local havia aproximadamente 50 pessoas e no momento da abordagem um homem tirou algo da cintura e jogou no mato próximo. No bolso do suspeito foram encontrados 3 estojos de munição calibre deflagradas.

Com as buscas ao local foi localizado uma arma de fogo tipo garrucha calibre .22. Após a prisão as equipes receberam informações que o preso fez ameaças a outros frequentadores do estabelecimento. Segundo a PM, “consultas aos sistemas disponíveis comprovaram que o preso já possui registros policiais pelos crimes de porte de arma de fogo, receptação e tráfico de drogas”. O suspeito foi encaminhado a Delegacia de Polícia Civil de Guaratuba.

Também na madrugada de sábado, policiais militares viram que “vândalos e pessoas embriagadas haviam danificado as bandeiras da Praça Central, em ação de depredação ao patrimônio”. As pessoas foram abordadas e orientadas, e os policiais militares, solenemente, hastearam novamente as bandeiras, “restabelecendo o civismo e o patriotismo pertinente ao local”, conforme relata o comando.

Leia também
Receba nossa notícias em seu e-mail.
Inscreva-se para receber as últimas novidades e atualizações diretamente no seu e-mail.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento
Comentários
Carregando...