Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Policiais salvam andarilho que caiu na baía de Guaratuba

pm-salva26jan2015

Num ato heroico e de coragem, dois policiais militares arriscaram suas próprias vidas na escuridão da madrugada desta segunda-feira (26) para salvar a vida de um andarilho, que caiu na baía de Guaratuba, próximo à Praça dos Namorados. Em menos de cinco minutos a dupla tirou o homem do oceano, apesar da imensa dificuldade.

“Não somos bombeiros e nem temos treinamento adequado para socorro no mar, pois esta não é a nossa missão, mas quando vimos aquele homem pedindo por socorro, não pensamos em mais nada a não ser salvá-lo”, relata o soldado Marcos Aurélio de Souza, do Batalhão de Operações Especiais (Bope), que juntamente com o também soldado Marcio Jesus dos Santos, do Regimento de Polícia Montada (RPMon), resgatou o homem. Ambos os policiais estão prestando serviços na Operação Verão Paraná 2014/2015.

“Nós policiais militares temos como missão reestabelecer a ordem e proteger a vida, foi neste sentido que, junto com meu parceiro, pulei na água na tentativa de salvar a vida daquele homem. Não pensamos no risco às nossas vidas, tivemos dificuldades por conta da escuridão e da profundidade, além disso, como ele estava se debatendo, ia se afastando da margem, mas não hesitei por um minuto, apenas queria tirá-lo dali”, descreve Jesus.

O FATO – Por volta das 2h, os soldados Aurélio e Jesus, que patrulhavam pela orla marítima, dentro da Operação Segurança Bancária – uma das atividades da Operação Verão – avistaram um homem se debatendo na água e pedindo socorro, próximo onde havia alguns barcos de pesca atracados. A dupla policial rapidamente retirou os equipamentos (cinto de guarnição) e fez o resgate do andarilho, mesmo sendo num local escuro e de grande profundidade.

“Segundo o relato do próprio andarilho, após o resgate ele andava pelo trapiche quando tropeçou em uma das cordas, que seguram barcos atracados, e caiu na água”, conta o soldado Aurélio. A vítima, que depois confessou estar embriagada, foi encaminhada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município para receber o atendimento médico necessário, após o socorro.

“Apesar da extrema dificuldade, os policiais militares conseguiram realizar o resgate com sucesso e salvaram a vida do homem. Assim como a vítima, os policiais engoliram grande quantidade de água, receberam atendimento médico no local e foram encaminhados ao hospital para receberem o tratamento médico adequado à situação”, relata o Comandante da Subárea de Guaratuba na Operação Verão Paraná, capitão Vilson Laurentino da Silva.

Como o trapiche tem cerca de 6 metros de altura, os policiais precisaram da ajuda de seguranças de um estabelecimento para colocá-lo no chão. “A união de esforços também foi primordial neste caso que resulta em uma vida salva”, avalia o capitão.

Texto: Márcia Santos / Jornalista da PMPR
Fotos: Tenente Caroline Bail

 

Leia também
Comentários
Carregando...