Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Dois homens cometem roubo com armas falsas. Um deles foi morto.

A pistola falsa e o boné do suspeito morto (foto: Divulgação / Folha do Litoral)

Em Pontal do Paraná, um homem portando uma arma falsa foi morto por um policial militar que achou que ele pudesse atirar. Em Matinhos, um ladrão foi detido por “populares” e entregue à polícia depois que a vítima descobriu que ele usava uma pistola de airsoft.

Na noite de quinta-feira (9) um homem assaltou à mão armada uma pizzaria, no balneário Ipanema, em Pontal do Paraná. O roubo foi registrado por uma câmera de segurança. 

Na tarde do dia seguinte, sexta-feira (10), um homem foi identificado como o assaltante. Ele estava escondido na densa restinga próxima à Vila dos Pescadores, no mesmo bairro. 

Uma equipe da Polícia Militar foi até o local. Ao ser abordado, o suspeito teria levantado repentinamente com a arma falsa na mão. O policial deu dois tiros certeiros. O homem, de 35 anos, morreu no local. Seu corpo foi encaminhado pela equipe do Instituto Médico Legal até a sede do órgão, em Paranaguá. A famíia, que é de Curitiba, identificou o corpo.

Foto: Folha do Litoral

Detido e entregue à polícia

No final da tarde de sexta-feira, um homem roubou uma farmácia na Avenida Juscelino Kubitschek de Oliveira, em Caiobá, Matinhos. Após o roubo, a  vítima percebeu que ele usava uma pistola de airsoft e o perseguiu. Com ajuda de seguranças, o homem foi detido no Centro, na rua Albano Müller. Com ele, foi encontrada a pistola e ainda dinheiro e um celular que teriam sido roubado na farmácia. 

O homem, de 24 anos de idade, morador do balneário Inajá, também em Matinhos, recebeu voz de prisão pelos policiais militares que foram acionados e depois conduzido até a Delegacia da Polícia Civil.

Vídeo: Comunica Matinhos
Foto: 9º BPM

Fontes: Folha do Litoral e 9º BPM

Leia também
Comentários
Carregando...