Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Cancelado debate com candidatos a conselheiro tutelar de Guaratuba

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Guaratuba, reuniu os candidatos ao Conselho Tutelar na manhã desta sexta-feira (25) e os informou que “não referenda” o debate programado pela comunidade do bairro Nereidas. O debate programado para a tarde deste sábado, no salão comunitário da Capela São Luiz Gonzaga, foi cancelado.

Clique para ampliar

No início da tarde, a presidente do CMDCA, Sabrina Chiarello, enviou um ofício a uma das organizadoras, a advogada Silvia Buchalla, informando da decisão.

No ofício, Sabrina Chiarello diz que “reconhece a importância da iniciativa” (em promover o debate), mas alega que não a apoia pelo fato de p Conselho não ter sido comunicado. Também diz que considera que o debate “não obedece ao princípio da isonomia”, “diante do fato de que não ouve (sic) chamamento ou mesmo convite de uma forma equivalente a todos os candidatos”.

Por fim, Sabrina Chiarello afirma que o debate não cumpre “recomendações do Grupo de Trabalho Nacional sobre o Processo de Escolha Unificado de Conselheiros Tutelares”. A presidente do CMDCA não foi encontrada para comentar o assunto. Veja seu ofício ao lado.

Cancelamento – De acordo com Silva Buchalla,  o debate foi cancelado “em função da informação passada na reunião feita com os candidatos de que qualquer um deles que comparecesse poderia ter sua candidatura impugnada e perder o direito a concorrer ao pleito”. “Como não é nossa intenção prejudicar ninguém, diferentemente da postura do Conselho, que repudiamos veementemente, optamos pelo cancelamento”, afirmou.

Clique para ampliar

O que diz o GT Nacional – A recomendação do Grupo de Trabalho Nacional referente às campanhas sugere que os candidatos sua divulgação junto à comunidade local por meio de: debates, entrevistas, seminários, distribuição de folders e redes sociais.

Sobre debates, informa que “os meios de comunicação e órgãos públicos que se propuserem a realizar debates deverão formalizar convite a todos os candidatos” e que, neste caso, o CMDCA deve ser comunicado com antecedência de três dias. Não trata de debates promovidos por cidadãos ou comunidades.

Debate informal – O debate foi divulgado nas redes sociais, no Jornal da Hora e no CorreiodoLitoral.com. Segundo os organizadores, foram feitos convites pelo Facebook e pessoalmente a nove dos dez candidatos, sendo que uma não foi encontrada.

Eles também argumentam que o debate seria e que todos os candidatos teriam um tempo igual para se apresentar e apresentar suas propostas e em seguida haveria uma conversa informal.

Leia ao lado as recomendações do Grupo de Trabalho Nacional que trata de debates da mídia e de órgãos públicos.

Ou acesse aqui:
http://www.sdh.gov.br/noticias/pdf/processo-de-escolha

Conheça os candidatos

candidatos-conselhotutelar-gtba2015-1000

 

T

Leia também
Comentários
Carregando...