Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná
Matinhos abril 24 Curtiu a Diferença 1070 200 iluminação

Além de ventos de 100 km/h, Litoral terá ressaca com ondas de 4 metros

A Marinha atualizou ontem à noite o aviso de mau tempo e informou que a passagem do ciclone extratropical – além dos ventos de até 100 km/h, previstos anteriormente – , poderá provocar ressacas de até 4 metros no Litoral do Paraná.

O alerta vale para a faixa litorânea de Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro – de Laguna (SC) a Campos dos Goytacazes (RJ) – entre a noite desta quinta-feira (13) e a manhã de sábado (15).

A Marinha também acrescenta que a faixa litorânea dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro do Espírito Santo – de São Sebastião (SP) a São Mateus (ES) – deverá ter ventos de até 74 km/h (40 nós), da manhã de quinta à tarde de sexta (14). 

Marinha anunciou ventos de 100 km/h na costa

Segue valendo o aviso anterior, com ventos de até 100 km/h (55 nós) na faixa litorânea de Santa Catarina, Paraná e São Paulo – de Laguna (SC) a São Sebastião (SP) –, entre a noite de quarta-feira (12) e a manhã de sexta-feira (14). 

Na faixa litorânea entre Chuí (RS) e Laguna (SC) os ventos iniciarão com velocidade de até 100 km/h, e, posteriormente, podem atingir 115 km/h (63 nós), entre a manhã de quarta e noite de quinta (13). 

Também poderá ocorrer ressaca nesta faixa, com ondas de direção sudeste a leste e altura de até 4,5 metros, entre as noites de quarta e sexta.

Simepar divulga aviso meteorológico

Ontem à noite, o Simepar (Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná) informou que  estão previstas rajadas de vento de mais de 70,0 km/h em todas as regiões do Paraná, com picos de mais de 90 km/h. 

“Outro ponto a se destacar é a persistência do vento moderado a forte vendaval) do quadrante sul/sudoeste por várias horas aumentando assim a severidade do sistema, levando a condições de destelhamentos, queda de árvores e de postes de iluminação elétrica entre outros prejuízos para a sociedade nas regiões mais susceptíveis a esse tipo de fenômeno”, informa.

“Além da previsão da ocorrência de ventania ao longo da quinta-feira, uma intensa massa de ar frio vai se aproximar do Estado e aumentar ainda mais o desconforto térmico e deixará o tempo gelado até o fim de semana: sábado e domingo (16)”. 

Leia também