Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

5 presos por feminicídio, pedofilia e violência doméstica

Todos foram encaminhados para a Delegacia de São José dos Pinhais

Cinco pessoas foram presas na manhã desta quarta-feira (4) em Matinhos e em São José dos Pinhais. Dois adolescentes também foram encaminhados para a delegacia.

A ação foi realizada pela Delegacia da Mulher e do Adolescente de S. J. dos Pinhais. Após 30 dias de investigações, policiais civis com o apoio da Polícia Militar cumpriram quatro mandados de prisão todos relacionados a violência doméstica e uma prisão em flagrante por pedofilia. A ação contou ainda com o apoio da Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc) e do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope).

“Cumprimos quatro mandados de prisão contra homens envolvidos com violência doméstica, além de prender um outro em flagrante suspeito do crime de pedofilia”, falou a delegada responsavél pela operação, Thatiana Guzella.

Um homem de 35 anos suspeito de abusar sexualmente da sua própria filha, dos 9 aos 11 anos, (hoje a adolescente está com 12 anos), foi preso pela polícia pelo crime de estupro de vulnerável. O suspeito preferiu permanecer em silêncio e só falar em juízo.

A equipe policial também prendeu um jovem de 22 anos suspeito de feminicídio. O crime aconteceu 04/09 deste ano, quando o suspeito efetuou um disparo de arma de fogo contra a própria esposa. A vítima chegou a ser encaminhada para o hospital, mas veio a falecer quatro dias depois dos fatos. O suspeito confessou o crime, porém alegou não ter intenção de efetuar o disparo.

Seguindo as diligências, a Polícia Civil prendeu um homem, de 43 anos, suspeito de atear fogo na casa da ex-mulher de 43 anos. O crime ocorreu no dia 02/08/2016, a esposa ficou sabendo do fato e conseguiu fugir com o filho, sem ferimentos.

Um outro homem de 38 anos também foi preso por descumprir as medidas protetivas impostas pela Justiça. De acordo com investigações o suspeito agredia a esposa constantemente, sendo indiciado pelo crime de violência doméstica.

E por fim, um homem de 32 anos foi preso em flagrante suspeito de pedofilia contra uma menina de 12 anos. Durante a prisão acompanhada pela Polícia Militar, por se tratar de um soldado, a equipe policial apreendeu o celular do suspeito, contendo vídeos pornográficos envolvendo crianças. Ele responderá pelos crimes de armazenar vídeo com conteúdos de pornografia infantil e importunação ofensiva ao pudor.

Todos os envolvidos foram encaminhados para a Delegacia de São José dos Pinhais e aguardam à disposição da Justiça. Os adolescentes responderão pelo ato infracional alusivo ao tráfico de drogas. Os jovens foram encaminhados para o Centro de Socioeducação (Cense).

Leia também
Receba nossa notícias em seu e-mail.
Inscreva-se para receber as últimas novidades e atualizações diretamente no seu e-mail.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento
Comentários
Carregando...