Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Câmara de Guaratuba rejeita CPI contra o prefeito

Por 8 votos a 4, os vereadores de Guaratuba rejeitaram o pedido do CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) contra o prefeito Roberto Justus. A votação lotou a Câmara e dividiu a plateia que aplaudia e vaiava as declarações dos vereadores dos dois lados.

O requerimento pedia para investigar se o prefeito cometeu quebra de decoro em um desabafo enviado no grupo no Whatsapp de secretários municipais em que dizia que iria exonerar os ocupantes de cargos comissionados por causa do resultado da eleição estadual na cidade.

No áudio, assumia a responsabilidade pela votação do pai no município que considerou muito pequena – o deputado estadual Nelson Justus obteve 3.266 dos 17.732 válidos (18,42%). No mesmo dia, o prefeito se arrependeu e divulgou um texto pedindo desculpas. Ninguém foi demitido. O áudio, no entanto, vazou e o caso repercutiu em diversos veículos da imprensa.

Na mesma sessão, na noite desta segunda-feira (15), foram aprovados requerimentos dos vereadores com pedidos de obras e serviços em ruas.

Leia também
Receba nossa notícias em seu e-mail.
Inscreva-se para receber as últimas novidades e atualizações diretamente no seu e-mail.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento
Comentários
Carregando...