Colégios estaduais de Guaratuba terão reforma

    A engenheira Ingrid de Aguiar, do Fundepar, confere medidas do bebedouro que será reformado

    Os colégios estaduais Joaquim Mafra e Gratulino de Freitas, de Guaratuba, passarão por reformas nos próximos meses. As obras resolvem parte dos problemas estruturais dos prédios e abrangem uma pequena parcela das sete instituições de ensino estaduais no Município.

    Os contratos entre as direções das escolas e as empreiteiras foram assinados nesta terça-feira (13). As obras começam ainda neste mês e têm prazo entre 120 e 180 dias para serem entregues, conforme as etapas que serão executadas.

    Os dois colégios foram incluídos no Projeto Escola 1000, que contemplou 1.000 estabelecimentos no Paraná, sendo 28 no Litoral, com R$ 100 mil cada. Quando o resultado da licitação resulta em desconto, o saldo retorna para a escola como um aditivo de obras. Em Guaratuba, a Escola 1000 também prevê atender a Escola Estadual Anibal Khury, que necessita de reparos urgentes na cobertura, nas instalações elétricas, troca de portas e esquadrias e ainda uma reforma nas paredes que estão com rachaduras.

    O diretor Wesley do Prado aproveitou para entregar novo pedido de obra urgente para o prefeito Roberto Justus ajudar a conseguir do governo estadual: a reforma da quadra

    Joaquim Mafra – No Colégio Joaquim Mafra a maior obra será a troca do madeiramento e de telhas das salas de aula, cozinha e pátio coberto, com aplicação de uma manta térmica para amenizar o forte calor do Litoral. Também será feita a revitalização do pátio coberto, reforma do bebedouro e construção de uma central de gás. As telhas que forem retiradas e puderem ser reaproveitadas serão usadas na cobertura do bicicletário.

    A obra acabou saindo por cerca de R$ 77 mil. O saldo de R$ 23 mil será usado em aditivos que já estão sendo preparados pelos engenheiros do Fundepar – Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional.

    Na assinatura do contrato, o diretor do Colégio, Wesley Oliveira do Prado, aproveitou para entregar às autoridades presentes, o prefeito Roberto Justus e a chefe do Núcleo Regional de Educação do Litoral, Selma Camargo Meira, um novo pedido: a reforma da quadra coberta, que já está com parte da estritura comprometida. A obra tem curso estimado de R$ 94 mil.

    Gratulino de Freitas – Após a assinatura no Joaquim, no final da manhã, prefeito, secretários e a chefe do Núcleo foram para nova solenidade no Colégio Gratulino, no início da tarde. A assinatura foi feira pela diretoria Mabel Iara Bortolan.

    As obras no Colégio serão de reforma do telhado do pátio coberto, restruturação do piso de salas de aula, pintura de paredes, troca de portas e janelas e da fiação elétrica e ainda a reforma da quadra coberta. A licitação saiu por R$ 82 mil e o saldo de R$ 18 mil será usado em outras obras a serem definidas pela escola, pelos engenheiros do Fundepar e pela Secretaria de Estado da Educação.

    Comente esta notícia

    comentários