Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Fotos de policiais militares valorizam Litoral

Os vencedores do primeiro concurso de fotografia do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º BPM), pertencente ao 6º Comando Regional da PM (6º CRPM), foram definidos no fim da manhã desta quarta-feira (26/02).

A primeira colocada foi a soldado Erica Rodrigues, da Subárea de Pontal do Paraná, seguida pela cabo Viviane Duarte Moreira Só, da Subárea de Guaratuba, e pelo sargento Osvaldo Ormeneze, da Subárea de Matinhos.

O concurso teve 51 policiais militares inscritos, todos atuantes na operação Verão Maior 2019/2020. Cerca de 244 fotografias entraram na disputa. Essa é a primeira edição do concurso que tem como objetivo destacar o trabalho feito no Litoral do estado com fotos feitas pelos próprios militares estaduais exaltando os pontos turísticos, o policiamento e o nome da Polícia Militar do Paraná.

A soldado Érica conta que a foto que inscreveu no concurso foi tirada despretensiosamente, durante uma abordagem de rotina. “Eu e minha equipe abordamos um prédio abandonado em que há denúncias de uso e tráfico de drogas, e após as verificações, percebemos que estávamos diante de um cenário muito bonito, que apresentava os diferentes tipos de ambiente que atuamos: céu, mar, areia, via terrestres, foi aí que surgiu a foto”, contou.

A cabo Viviane não esperava que sua foto alcançasse uma das três colocações da competição. “Nossa equipe procurou fazer uma fotografia que identificasse um cartão postal de Guaratuba, no caso o Morro do Cristo, e também que demonstrasse o trabalho dos bombeiros, que acabam atuando conosco diariamente na praia. Agradeço de coração todos que votaram na nossa fotografia”, disse.

O sargento Ormeze destacou que o concurso foi uma forma de mostrar um pouco do que a Polícia Militar tem feito no Litoral durante o Verão Maior. “Participar desse concurso foi importante, primeiro pela interação dos policiais em poder mostrar as belezas naturais que o Litoral oferece, e segundo em ter a oportunidade demostrar nosso trabalho nesse cenário. Mais que a ação preventiva, a interação com a comunidade traz um benefício enorme para nós”, explicou.

Leia também
Comentários
Carregando...