Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Ponte de Guaratuba: Gleisi e Richa a favor; Requião contra.

ponte-de-guaratubaLeia reportagem de Guilherme Voitch, publicada nesta sexta-feira (26), na Gazeta do Povo com os três principais candidatos ao governo do Paraná.

Reivindicação antiga de parte da população do Litoral do Paraná, a construção da ponte sobre a Baía de Guaratuba divide Beto Richa (PSDB), Roberto Requião (PMDB) e Gleisi Hoffmann (PT), os três principais candidatos ao governo do estado. Requião é contrário à obra. Já Gleisi e Richa são favoráveis, mas veem alguns senões para a construção. Os três, por outro lado, concordam com a engorda da praia de Matinhos, mas têm posições próprias sobre como tocar a obra.

A divergência em relação à ponte não é exclusividade dos candidatos. Mesmo entre as lideranças do Litoral há quem seja contra a obra. “Tenho um posicionamento diferente da minha associação. Acho que a ponte seria prejudicial devido aos caminhões que trafegam para o Porto de Itajaí e Tubarão [ambos em Santa Catarina]”, diz Adalto Mendes Luders, presidente da Agência de Desenvolvimento Sustentável do Litoral do Paraná e diretor da Associação Comercial e Empresarial de Matinhos. Luders, no entanto, entende o argumento favorável à construção. “Hoje Guaratuba está isolada do estado. É mais um município de Santa Catarina do que do Paraná.”

Carlos D’Alberto Freire, presidente da Associação de Hotéis, Pousadas, Restaurantes, Bares e Similares do Litoral, defende a construção, mas diz ser preciso criar alternativas para o tráfego pesado. “Éimportante que se faça [a ponte] desde que se ache uma estrutura de rodovia que não passe por dentro dos municípios.” Os dois também cobram uma definição para as obras de engorda da praia em Matinhos. “Todos os governadores têm falado em fazer e não fazem, e é simples de fazer”, diz Freire, que defende o sistema feito sem transposição de grandes quantidades de areia, utilizando gabiões. Luders concorda: “É uma novela. O governo do estado diz que precisa de R$ 250 milhões para fazer essa obra. Não precisa disso. O trabalho de microgabiões feito na Praia Mansa de Caiobá daria certo em Matinhos.”

Ao Litoral

A reportagem fez a seguinte pergunta aos três principais candidatos: é favorável à construção de uma ponte sobre a baía de Guaratuba? Veja as respostas:

Beto Richa

Sou a favor. A construção da ponte faz parte do conjunto rodoviário da nova rodovia PR-101, que vai atender à região litorânea, saindo da BR-116 e indo até a BR-376. Essa rodovia irá atender toda a região portuária e também criará novos acessos aos municípios de Guaratuba e Matinhos, cidades de veraneio. Com isso a ponte será usada mais para a circulação de veículos e caminhões leves, em especial na alta temporada. O DER já solicitou a licença ambiental prévia de parte da PR-101. Somente com o Estudo de Impacto Ambiental o governo poderá elaborar o projeto executivo para construção da rodovia.

Roberto Requião

Sou contra essa obra. Guaratuba tem uma faixa muito estreita de terra e o tráfego pesado de caminhões vai acabar com a cidade. Além disso, o custo de uma obra como essa é muito caro.

Gleisi Hoffmann

Sou favorável à construção da ponte, com duas ressalvas: não acredito que o estado tenha recursos para isso, dada a situação de descontrole em que se encontram as finanças do Paraná. Considerando que a travessia é paga, pode ser viável a construção através de concessão. A outra questão é ambiental e urbana. É preciso dimensionar corretamente o tráfego, porque hoje todo o trânsito passa por dentro de Guaratuba e Matinhos. É preciso pensar em tirar parte desse tráfego das ruas das cidades.

Fonte: Gazeta do Povo / Guilherme Voitch – http://www.gazetadopovo.com.br/vidapublica/eleicoes/2014/conteudo.phtml?tl=1&id=1501627&tit=Ponte-de-Guaratuba-divide-candidatos-no-PR
Leia também
Comentários
Carregando...