Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Posto de guarda-vidas desaba em Praia de Leste

10385478_792568804149520_3823569974659999541_nUm posto de guarda-vidas construído no verão passado pelo Governo do Paraná desabou na tarde deste domingo (28) em Praia de Leste, Pontal do Paraná.

Segundo o empresário Marcelino Akyo Kobata, pessoas estavam embaixo da construção abrigando-se da chuva quando aconteceu a queda. De acordo com o Corpo de Bombeiros, sete pessoas ficaram feridas, entre elas uma grávida que foi encaminhada ao Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá. Um guarda-vidas que estava no posto também teve ferimentos leves.

De acordo com o Simepar – instituto meteorológico do Paraná – ventos fortes atingiram todo o litoral na tarde deste domingom e chegaram 80 Km/h em Morretes.

“Aparentemente foi um tornado que passou em Praia de Leste. Aconteceu agora pouco (uma hora atrás)”, informou Kobata ao Correio do Litoral.com. Leia o restante da mensagem enviada pelo Facebook:

“Muitas casas destelhadas, uma pequena construção voou tudo, telhas, vidros de sacadas. Árvores tombaram, quando transitava pela rua vi voando telhas de eternit que passavam na minha frente. Até um pneu de carro vi correndo pela rua. Galhos de árvore voando”.

“Ainda não temos informações oficiais do ocorrido. Mas certamente irão responsabilizar o construtor do posto de salva-vidas construída pelo atual governo do estado que não suportou o vento forte. E também a prefeitura que mesmo avisada no início da atual gestão, foi avisada para que comprassem telhas e lonas pretas para eventuais problemas assim, intempéries.”

“A defesa civil tem que ter material humano e telhas e lonas para pronto atendimento. Não deve deixar a população a mercê do tempo.”

No perfil do fotógrafo Acácio Murilo, além das imagens, é informado o valor do posto, que foi considerado muito caro na ocasião da obra: R$ 18 mil.

Na manhã desta segunda-feira (29), o secretário de Segurança Pública, Fernando Francischini, informou que o Corpo de Bombeiros vai verificar as condições de todos os postos construídos pelo governo e também pelas prefeituras. A afirmação foi feita na entrevista coletiva após a reunião de trabalho sobre a Operação Verão, no Quartel do Corpo de Bombeiros, em Guaratuba.

Fonte: Marcelino Akyo Kobata
Foto: Acácio Murilo (Comando Fotografias)
Leia também
Comentários
Carregando...