Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

UFPR Litoral faz alerta para risco de cortes nas vagas

carta-aberta_faceA direção do Setor Litoral da Universidade Federal do Paraná divulgou uma “carta aberta à comunidade do litoral paranaense” sobre as consequências dos cortes no ensino superior público.

O documento denuncia que as mudanças propostas pelo governo Temer “irão prejudicar os serviços públicos, os trabalhadores assalariados e informais, aposentados, além dos beneficiários de programas sociais”.

“No âmbito universitário, conforme todas as análises que podem ser feitas, o impacto em instituições como a UFPR Litoral será imediato, direto e devastador”, diz o texto, que alerta para o corte de vagas oferecidas pela instituição.

A carta conclama a comunidade a defender o ensino público as conquistas dos 11 anos da UFPR Litoral e o ensino público.

Leia a íntegra do documento:

Carta aberta à comunidade do litoral paranaense

A Direção Setorial dirige-se à comunidade do litoral paranaense, à comunidade acadêmica do Setor Litoral da UFPR e, em especial, às servidoras e servidores docentes e técnico-administrativos.

As homenagens devidas nessas datas exigem que falemos do sentido mais profundo de nossa condição de servidores públicos. Condição por meio da qual nos revelamos não apenas integrantes de uma mesma categoria de trabalhadores, mas especialmente como trabalhadores cuja relevância se vincula àquilo que a sociedade brasileira propõe de dignidade aos seus cidadãos e cidadãs. Nossa existência se justifica nas lutas históricas que as gerações anteriores travaram em nossa sociedade para conquistar direitos sociais, como o acesso à educação em todos os níveis de ensino, incluindo o ensino universitário público e gratuito.

A UFPR Litoral, nestes 11 anos de existência, sempre teve, em seus docentes e técnico-administrativos, pessoas comprometidas e conscientes daquilo que este projeto institucional representa para os territórios do litoral paranaense e suas gentes. Desde a instalação deste campus da UFPR, na cidade de Matinhos, somaram-se mais de duas centenas de pessoas que, juntos com as comunidades, vivem o desafio de materializar um Projeto Pedagógico caracterizado pela transformação da educação e da realidade social. São estas servidoras e servidores públicos que, ao lado dos estudantes, dos atores locais e de suas instituições, atuam para construir uma experiência de ensino superior que seja inclusiva e transformadora. Que assume o desafio de ser, ao mesmo tempo, democrática, qualificada e inovadora.

Ao prestar esse reconhecimento público, a Direção do Setor o faz também para alertar a comunidade do litoral paranaense em geral, e seus estudantes em particular, da gravidade do momento que vivemos. É com extrema preocupação que recebemos as políticas anunciadas pelo Governo Federal e mudanças propostas na Constituição Federal, através da PEC 241, como também de outras medidas e projetos em andamento (como a MP 746).

Já é público para a sociedade brasileira que tais legislações e políticas irão prejudicar os serviços públicos, os trabalhadores assalariados e informais, aposentados, além dos beneficiários de programas sociais. Em nome de um pretenso controle de gastos, serão comprometidos os investimentos em serviços públicos, incluindo a educação.

No âmbito universitário, conforme todas as análises que podem ser feitas, o impacto em instituições como a UFPR Litoral será imediato, direto e devastador. Através do anúncio de corte de recursos para investimentos e de bolsas estudantis, de não reposição de vagas de servidores, além da preparação de cortes de vagas nas universidades federais, o governo indica claramente seu objetivo: que a educação superior seja privilégio apenas de certas classes sociais, que poderão pagar mensalidades em instituições privadas ou acessar escassas e elitizadas vagas que restarem universidades públicas.

Diante desse cenário preocupante, de imposição de políticas conservadoras, o Setor Litoral da UFPR figura como alvo vulnerável justamente porque nossa instituição resulta de uma conquista importante da sociedade: a expansão e interiorização das universidades para fora das capitais, bem como, a ampliação de cursos e de vagas, em horários acessíveis para a população trabalhadora.

Assim, orientamos fortemente toda nossa comunidade ao diálogo e ao posicionamento coletivos, seja fazendo uso da vitalidade e dinamismo de nossos espaços pedagógicos, bem como na construção de novos espaços comuns.

Aos colegas de profissão e de serviço público, nosso desejo de que possamos juntos defender o acesso universal e qualificado à educação e produção do conhecimento. Que continuemos a construir, juntos com as populações do litoral, experiências e ferramentas de análise crítica e de compreensão da sociedade brasileira e de seus dilemas atuais.

Parabenizamos a todos pelas contribuições singulares nesses 11 anos da UFPR Litoral! Ela será essencial para definir os próximos 20 anos!

À população do litoral, que exerçamos ativamente nossa cidadania, defendendo as conquistas sociais, os serviços públicos e a democracia.

Que para inspirar a todos nós, em nossos afazeres, lembremos dos versos do poeta: “outros outubros virão, outras manhãs, plenas de sol e de luz”!

Que possamos construir juntos nossos próximos e melhores outubros.

 

Fonte: UFPR Litoral – http://www.litoral.ufpr.br/portal/blog/noticia/carta-aberta-a-comunidade-do-litoral-paranaense/

Leia também
Receba nossa notícias em seu e-mail.
Inscreva-se para receber as últimas novidades e atualizações diretamente no seu e-mail.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento
Comentários
Carregando...