Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná
Matinhos Matinhos abril 24 Curtiu a Diferença 1070 200 iluminação

Cinema na Praça em Paranaguá é cancelado por causa de chuvas e alagamentos

Cadeiras ficaram submersas e equipe ficou ilhada na Estação Ferroviária

Estava tudo pronto para a última etapa do tour que o Cinema na Praça estava fazendo no Litoral do Paraná, quando por volta das 16h deste domingo (25) um forte temporal se abateu sobre Paranaguá. Diversas áreas da cidade ficaram alagadas, inclusive o espaço reservado às exibições que aconteceriam a partir das 19h na avenida Arthur de Abreu em frente à Estação Ferroviária. 

Imagens gravadas pela equipe da Casa do Verbo, empresa responsável pela realização do evento, mostram que o nível da água subiu tanto e tão rapidamente que chegou a encobrir os assentos das cadeiras reservadas ao público.

A equipe da caravana cultural ficou isolada no local, e só a partir das 22h, com a chegada dos bombeiros que realizaram o trabalho de desobstrução dos canais de escoamento das ruas, é que foi possível recolher cadeiras e equipamentos que ficaram parcialmente submersos. 

O diretor da Casa do Verbo, Francisco Pinheiro, gravou um vídeo durante o temporal explicando a situação em que sua equipe se encontrava. O vídeo pode ser assistido logo abaixo. 

“Fomos surpresos por uma chuva torrencial que provocou um grande alagamento aqui no local onde aconteceria as sessões do Cinema na Praça. Quando começou a chover, começamos a recolher as cadeiras, mas a água subiu rapidamente e tivemos que nos abrigar na estação para preservarmos a integridade física de todos. Não houve tempo nem mesmo para retirarmos nossa Van do local, e o carro ficou parado no meio da inundação”, explica Pinheiro.

Com previsão de novas chuvas em Paranaguá nesta segunda-feira (26), e também nos próximos dias, o Cinema na Praça, evento do Governo do Paraná realizado com recursos da Lei Paulo Gustavo teve que ser cancelado.

A partir de 14 de março, a Casa do Verbo começa as exibições nas 6 cidades da rota 2. A primeira cidade será Doutor Ulysses, depois virão Rio Branco do Sul, Balsa Nova, Campo do Tenente, Agudos do Sul e Piên.

Chuvas provocam alagamentos em todo o Litoral 

Segundo o Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar) choveu quase 73mm neste domingo em Paranaguá. Mas a cidade portuária não foi a única que sofreu com o evento climático. 

Em Pontal do Paraná, o volume de chuva também foi muito grande e provocou alagamentos em muitas áreas da cidade. O portal Acontece em Pontal publicou matéria mostrando os alagamentos. As imagens registradas pelo repórter Luiz Michelin Junior são impressionantes.

O jornalista, que é morador de Pontal, também teve sua casa alagada. Ele conta que foi tudo muito rápido e que no litoral até pode ser considerado normal situações de pequenos alagamentos, mas que ele nunca havia visto nada similar, com tanta intensidade e rapidez. A matéria sobre os alagamentos em Pontal pode ser conferida clicando neste link:  https://aconteceempontal.com/chuvas…

Em Morretes, o Simepar não possui estação de monitoramento, mas o Sistema Paranaense informa que se estima que tenha chovido entre 60 e 70mm em apenas duas horas. Em Pontal do Paraná, a estação meteorológica montada em paceria com a Prefeitura, aponta que choveu 149mm.

Foto: Luiz Michelin Junior 

Em Guaraqueçaba foram 79,4mm; em Guaratuba, 73mm; Antonina – 49,4mm e Paranaguá 72,4mm.

Leia também