Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná
Matinhos Matinhos abril 24 Curtiu a Diferença 1070 200 iluminação

Crea notificou Super Rede por irregularidade na estrutura

Foto: RPC / Cortesia

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR) se manifestou sobre o desabamento do supermercado Super Rede Atacadista, em Pontal do Paraná e informou que notificou a empresa em novembro do ano passado, por uma “situação (que) segue aguardando regularização”.

Três funcionárias morreram e 12 ficaram feridas no desabamento da estrutura onde ficavam a caixas d’água, na noite desta sexta-feira (22).

O Crea afirmou que foi identificado uma irregularidade na estrutura do estabelecimento. De acordo com a entidade, o proprietário foi notificado e a situação seguia aguardando regularização. Confira a nota completa:

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia -Crea-PR- informa que a obra foi fiscalizada em novembro do ano passado, como parte das ações de rotina do Conselho em todos os municípios do Estado. Na oportunidade foram gerados dois relatórios de fiscalização, um relacionado à obra em si (projetos e execução), e outro específico relacionado ao programa de gerenciamento de riscos, necessário para a segurança do trabalho.

O que envolve diretamente à obra foi constatada a respectiva responsabilidade profissional, ou seja, do engenheiro civil e demais profissionais envolvidos. Foi constatada uma irregularidade com relação à execução da estrutura de concreto pré fabricado, sendo o proprietário notificado. A situação segue aguardando regularização.

No caso da Segurança do Trabalho, naquela oportunidade foi entregue um comunicado orientativo indicando a necessidade do Programa de Gerenciamento de Riscos, que não foi identificado no momento.

Polícia Civil – O supermercado foi inaugurado na sexta-feira (22) e ainda não tinha projeto contra incêndios aprovado pelo Corpo de Bombeiros. A Polícia Civil do Paraná irá instaurar um inquérito policial para investigar os fatos. Uma equipe esteve no local e foi solicitada a planta do supermercado para análise técnica e envolvidos serão ouvidos nos próximos dias.

Coletivo Juntas Guaratuba emite nota de pesar

O Coletivo feminista Juntas Guaratuba se solidariza às famílias, amigas(os) e colegas de RAYSSA BATISTA SANTOS, CAMILLE VITÓRIA DE SOUZA DIAS, PRYSCILLA MARIS TASCHEK FARR, que perderam suas vidas no desabamento da laje do Supermercado Rede Atacadista, em Pontal do Paraná.
As três mulheres estavam trabalhando no momento do desabamento e não tiveram chance de se salvar. Mais 12 pessoas ficaram feridas, 2 em estado grave.
Nós, do Coletivo Juntas Guaratuba, faremos elas sempre presentes, pedindo respostas e que os responsáveis pela morte dessas trabalhadoras sejam punidos.

Supermercado emite nota

A direção do supermercado, de propriedade do empresário Eduardo Dalmora, ex-prefeito de Matinhos, também se manifestou em nota, antes da divulgação da nota do Crea:

Nota Pública Super Rede

Ao tomar conhecimento sobre o desabamento do teto do supermercado no Balneário de Canoas, ocorrido na data de hoje, queremos primeiramente expressar nossa mais sincera solidariedade às famílias das vítimas deste trágico episódio.

Neste momento de dor, queremos assegurar que estamos empenhados em prestar todo o auxílio necessário às famílias das vítimas e aos feridos. Faremos o possível para garantir que recebam o suporte adequado e o acompanhamento necessário.

Leia também