Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Viaduto da BR 277 com PR-407 ficará fechado por cinco meses

A partir desta quarta-feira (4), o viaduto na interseção da BR-277 com a PR-407 – que liga Paranaguá ao balneário Praia de Leste, em Pontal do Paraná – será fechado.

A medida adotada pela Ecovia faz parte do cronograma de obras de duplicação da rodovia PR-407 que prevê o alargamento do viaduto.

O viaduto, localizada no km 6,6 da rodovia BR-277, ficará interditado por cinco meses. Durante este período, o fluxo que vem da rodovia PR-407, com sentido a Curitiba, será direcionado para fazer o retorno no km 4,8 da rodovia BR-277.

Pontal 40 milhões

O motorista de Paranaguá que pretende acessar a PR-407, sentido Pontal do Paraná, pela BR-277, terá que seguir até o próximo retorno localizado no km 12,4. Os usuários que vêm de Paranaguá sentido a Pontal do Paraná poderão também utilizar como caminho alternativo a Avenida Bento Munhoz da Rocha Neto. Quem vem de Curitiba com destino a Praia de Leste continuarão utilizando a alça de acesso a PR-407 que segue funcionando normalmente.

Duplicação – Além do viaduto, serão duplicados mais 3,5 quilômetros da pista. O projeto inclui também a construção de vias marginais, viadutos, pontes e passarelas. O prazo para conclusão desta primeira etapa é abril de 2016 e a obra será fruto de um investimento de R$ 57 milhões.

A obra já passou pela etapa inicial: Limpeza do terreno e implantação dos bueiros. Agora inicia a construção das marginais, alargamento do viaduto da BR-277 e da alça de acesso à rodovia. As obras estarão concentradas nessa primeira fase na região do perímetro urbano de Paranaguá.

O projeto também contempla um novo viaduto, na interseção da PR-407 com a Avenida Bento Munhoz da Rocha Neto no km 1,3. Serão instaladas três passarelas nas áreas de maior circulação de pedestres e também de ciclovias na mesma extensão. Duas novas pontes serão construídas sobre rio da Vila.

Leia também

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More