Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Após manifestação, Paranaguá terá fórum contra a violência

Organizadores da “Caminhada pela Paz” do dia 15 de maio, se reúnem e decidem formar o movimento: “Paranaguá Contra a Violência, Juntos pela Paz”.

As jovens Cinthia Cordeiro e Patrícia Camilo, que tiveram a ideia de fazer a “Caminhada pela Paz”, como uma forma da população de Paranaguá mostrar sua indignação pela onda de violência que assola a cidade, firmaram o propósito de manter a mobilização.

No sábado, dia 12, elas se reuniram com o grupo de apoio para fazer uma avaliação do dia 10 e preparar o encaminhamento da “Carta Aberta”, lida durante a caminhada, solicitando segurança efetiva para o município de Paranaguá e Litoral. Desta reunião surgiu o movimento organizado: “Paranaguá Contra a Violência”.

Os participantes do movimento, estão protocolando esta semana a “Carta Aberta” em vários órgãos e setores públicos, propondo o prazo de 10 dias para que respondam os itens pertinentes a cada área. “Vamos acompanhar o cobrar estas respostas, bem como informar a população sobre estes resultados”, afirmou Cinthia Cordeiro. “Convidamos as pessoas, grupos, associações, enfim todos os que quiserem ajudar, lembrando que o movimento é apartidário e ecumênico”, finaliza.

Os próximos passos do movimento “Paranaguá Contra a Violência”, além do acompanhamento das reivindicações da “Carta Aberta” são: providenciar uma identificação visual para o grupo e participar do fórum “Fraternidade e Superação da Violência” no Teatro Rachel Costa, dias 21,22 e 23 deste mês.

Texto: Giolete Babinski

Leia também
Receba nossa notícias em seu e-mail.
Inscreva-se para receber as últimas novidades e atualizações diretamente no seu e-mail.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento
Comentários
Carregando...