Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Homicídio na área rural e celulares para presos

José Cavalcante da Silva, "Tindo"
José Cavalcante da Silva, “Tindo”

José Cavalcante da Silva, de 48 anos, morreu na madrugada desta segunda-feira (5) depois de ser golpeado por uma foice, na área rural de Guaratuba.

Tindo, como era conhecido, se envolveu em uma briga entre funcionários de uma fazenda de bananas na região do Caovi.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, por volta das 2h, mas foram os próprios parentes da vítima que o levaram até a UPA do município vizinho de Garuva (SC).

Ele morreu às 3h30. Tinha três filhos e morava em Garuva há 16 anos.

Suposta arma do crime
Suposta arma do crime

O suspeito do crime foi preso pela Polícia Militar do Paraná em casa pela manhã e encaminhado ao Pronto Socorro, pois também teria se ferido na briga, e depois à Delegacia da Polícia Civil. A PM não divulgou seu nome.

Celulares, cigarros e maconha

Por volta das 11h20min, a Polícia Militar em Guaratuba recebeu notícia de que um indivíduo estava entrando em um terreno próximo à Delegacia de Polícia onde funciona a carceragem.

Chegando ao local, os policiais localizaram e prenderam em flagrante um homem de 30 anos, que tinha em sua posse vários diversos telefones celulares marcas e pacotes de cigarro e fumo, e ainda 222 gramas de substância análoga à maconha.

Ao ser indagado, o preso disse que jogaria para dentro da delegacia pelo solário da carceragem. Foi encaminhado à DP.

Leia também
Comentários
Carregando...