Correio do Litoral
Notícias do Litoral do Paraná

Pesca agradece apoio e renova cobranças a Vanhoni e Nelson Justus

“A pesca é uma das poucas atividades industriais que podem ser desenvolvidas em Guaratuba e por isto merece uma atenção especial dos governos estadual e federal”, destacou o deputado Angelo Vanhoni, em reunião no início desta semana com empresários e trabalhadores do setor.

“O escritório do deputado federal em Curitiba e o gabinete do deputado estadual Nelson Justus (na Assembleia Legislativa) funcionam como representações da pesca de Guaratuba”, destacou o empresário Estefano Iatskiu. A afirmação foi repetida pelo empresário Roberto Machado e pelo pescador Dionel Araújo Vicente, num misto de agradecimento e cobrança.

Vanhoni e Justus trabalharam em conjunto no início deste ano para resolver conflitos da pesca empresarial e artesanal com os órgãos ambientais do Estado (IAP e Polícia Ambiental) e da União (Ibama e Marinha), que vinham afligindo o setor.

Ao mesmo tempo, com apoio da Secretaria Municipal da Pesca e Agricultura, pescadores e empresários estão regularizando embarcações, licenças e procedimentos. No momento, a Câmara de Vereadores debate o projeto da prefeita Evani Justus para criar o Serviço de Inspeção Municipal (SIM) que irá regulamentar as salgas – processamento de pescados – e abrir novos mercados para os produtores de Guaratuba.

Pontal 40 milhões

Parceria – Vanhoni (PT), Nelson (DEM), a prefeita Evani (PSDB) e o vice-prefeito Vandir Esmaniotto (PT) vêm realizando diversas parcerias na administração de Guaratuba, que é composta por uma grande coligação de partidos. No setor da pesca, o deputado começou ajudanda na vinda do Caminhão do Peixe, no qual os pescadores artesanais levam seus produtos diretamente para feiras em Pinhais, Campo largo e Ponta Grossa.

Vanhoni também destinou uma emenda ao Orçamento da União para construção do Terminal Turístico Pesqueiro. O valor da obra é de R$ 895.408,16, sendo R$ 877.500,00 do governo federal e R$ 17.908,16 de contrapartida do município.

Carreira de barcos – Durante a reunião desta semana, o pescador Dionel Vicente cobrou a construção da carreira de barcos que a prefeitura, com apoio dos dois deputados, começou a implantar neste ano. O projeto teve de superar a situação legal do terreno, que já foi utilizado pela extinta Cooperativa dos Pescadores Artesanais do Litoral do Paraná (Coopescar) mas que estava em nome de uma imobiliária apesar de pertencer à União.

A prefeitura conseguiu recuperar o uso público do imóvel de 1.132m², situado às margens da baía no bairro Piçarras, através de uma concessão feita pela Superintendência do Patrimônio da União no Paraná, órgão do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, comandado pelo paranaense Paulo Bernardo, marido da senadora e candidata ao governo Gleisi Hoffmann. A empresa que se apossou da área entrou na Justiça contra a União e a prefeitura ainda teve de enfrentar diversos trâmites burocráticos.

A expectativa de Evani é iniciar as obras da carreira e da Feira da Pesca Artesanal prevista no convênio com a SPU ainda neste ano.

Leia também

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More